sábado, 21 de outubro de 2017

Vende-se casas no Loteamento Siqueira Campos, em Camocim (próximo a Praia).


Vende-se casas com 3(três) quartos, 2 (dois) banheiros, sala de estar e de jantar, garagem e quintal. Ainda em construção no Loteamento Siqueira Campos, próximo ao colégio General Campos - 500 metros da praia - . Agende sua visita com o corretor de Imóveis Igor Cruz . Fones:Tim/Whatsapp(88)999630170,Claro(88)992016278, OI (88)988130504. (Aceita-se troca)


Nota de Falecimento


A Funerária São Francisco vem em nome da família de Maria Feliz Parente da Silva, conhecida por Maria Félix, comunicar seu falecimento ocorrido ontem às 16h, e convida parentes e amigos para seu sepultamento, que ocorrerá hoje, às 17h, saindo o féretro da Rua Esperantina, 621, Bairro Boa Esperança, para o Cemitério São José. A todos que comparecerem a Funerária São Francisco e família agradecem antecipadamente.

Talentos de Granja: Ana Thamires e Maria Luízah fazem sucesso nas redes sociais cantando "Era uma Vez"


Duas lindas e talentosas garotas da cidade Granja-CE, Thamires e Maria Luizah, estão fazendo sucesso nas redes sociais, após a publicação de um vídeo em que elas aparecem cantando a música "Era uma Vez" (Kell Smith).

Confira  Aqui também

A página "Granja é Mais"   ajudou a promover a talentosa dupla. 

Carlos Jardel 

Arrocho fiscal da Prefeitura afeta Bombeiros Civis de Camocim

O plano de demissão dos servidores contratados da Prefeitura de Camocim não poupou nem a equipe de Bombeiros Civis do município. De acordo com informações obtidas pelo Blog, a Prefeita Mônica mandou cortar pela metade os salários de todos os integrantes e ordenou a demissão de pelo menos quatro. 

Atualmente, eles cumprem escala de trabalho no Píer de Camocim e possuem relevantes serviços prestados na salva-guarda dos banhistas e na prevenção de acidentes nas praias do município.

Com a medida imposto, a categoria, pega de surpresa, assim como os demais servidores demitidos, avaliam suas permanências. 

Camocim Portal de Noticias
Foto: Ava Produtora

Confira a agenda do forrozeiro Carlinhos Moral.



Prefeita tenta amenizar o impacto da irresponsabilidade e reduz o próprio salário. Detalhe: somente por dois meses!


A Prefeita de Camocim Mônica Aguiar enviou a Câmara de Vereadores nesta sexta-feira (20), o Projeto de Lei que implementa as medidas de contenção de despesas orçamentárias do Governo anunciadas recentemente. Entre as medidas, está a redução de 20% dos vencimentos salariais da Prefeita, do Vice e dos Secretários de Governo.

O esforço de sua equipe econômico para implementar seu pacote de austeridade porém, trouxe dor de cabeça para os mais de 500 servidores contratados que foram demitidos sem aviso prévio, sob a alegação de está atendendo uma decisão judicial e ter estourado o limite de gasto com pessoal. 

No texto a Prefeita Mônica, justifica a necessidade do arrocho por conta da crise financeira que afeta os municípios brasileiros e a queda nos repasses federias. 

O pacote prevê ainda a redução do horário de funcionamento dos órgãos municipais que não desempenham serviço essencial; suspensão de horas extras, diárias, passagens, hospedagens, lanches e refeições, além de está vedado a liberação de patrocínios e apoio cultural para eventos. 

O mais curioso é que a redução salarial da Prefeita e dos secretários só vai durar o período de dois meses. Conforme o PL enviado a Câmara, que deve passar pela análise do plenário, a alteração dos vencimentos passa a valer do dia 01/10 a 31/12/2017. 

André Martins, no Camocim Portal de Noticias

Entrevista: Juliano diz que "prefeita demitiu temporários antes do tempo para fazer caixa para a campanha de deputado em 2018"


sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Operação deflagrada pelo MPCE e MPC constata irregularidades no transporte escolar de Pindoretama

Os alunos do Núcleo de Educação Especial do Município de Pindoretama estão sem transporte escolar desde o início do ano letivo. Esta foi uma das irregularidades constatadas pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da Promotoria de Justiça da Comarca de Pindoretama, e o Ministério Público de Contas do Estado do Ceará (MPC) em operação deflagrada na última segunda-feira (16/10), para apurar irregularidades na execução dos serviços de transporte escolar no Município.

As investigações verificaram que, apesar das rotas para atendimento da unidade escolar que atende crianças e adolescentes com deficiência tenham sido licitadas e efetivamente contratadas, o serviço nunca chegou a ser prestado pela empresa Via Fortal Serviços e Locações de Veículos, fato que compromete o necessário desenvolvimento daqueles que deveriam estar sendo acompanhados pelos psicólogos, terapeutas e demais profissionais à disposição no Núcleo.

De acordo com a titular da Promotoria de Justiça da Comarca de Pindoretama, Alessandra Loreto, com a falta do serviço, somente crianças e adolescentes que moram na sede de Pindoretama ou que possuem transporte próprio estão frequentando o Núcleo de Atendimento Especial. Por causa disso, o número de alunos atendidos caiu mais da metade: no ano passado, o Núcleo atendia 98 estudantes, mas, em virtude da ausência de transporte escolar, o número este ano diminuiu para 55.

Durante a fiscalização, foram analisados o processo de licitação, os pagamentos realizados à empresa contratada e as condições de transporte oferecidas aos alunos, incluída a verificação dos veículos e de seus condutores. A promotora de Justiça Alessandra Loreto informa que, diante da situação, o MPCE e o MPC expedirão, ainda esta semana, recomendação para a Prefeitura de Pindoretama e a empresa Via Fortal Serviços e Locações de Veículos para que seja regularizada, imediatamente, a prestação do serviço de transporte escolar aos alunos do Núcleo de Educação Especial.

Vereador Marcos Coelho "pede paz" e César Veras retira Representação contra Juliano no Conselho de Ética


"A Câmara Municipal é ambiente de severas divergências mas deve ser também ambiente respeitoso entre os Vereadores; por isso argumentamos para que uma Representação do Vereador Cesar Veras contra o Vereador Juliano Cruz, não fosse levada ao Conselho de Ética.

Ao final, prevaleceu a paz entre os dois lideres das bancadas de oposição e de situação, que assegura as diferenças mas também a harmonia no Parlamento Camocinense" 

(Marcos Coelho, publicação/ Facebook)

Atentado deixa mortos e feridos em colégio em Goiânia

Um atentado a uma escola na manhã desta sexta-feira, 20, deixou pelo menos dois mortos e quatro feridos em Goiânia. O tiroteio ocorreu no Colégio Goyases, situado no bairro Conjunto Rivera. A ocorrência foi atendida pelo Corpo de Bombeiros, que teria recebido a denúncia de uma professora pelo 193. 
  
Conforme os Bombeiros, um adolescente fez os disparos de arma de fogo em uma sala de oitavo ano. Dos seis adolescentes atingidos, dois morreram na sala e quatro foram socorridos. A turma é composta por jovens entre 12 e 13 anos.

Cinco viaturas dos Bombeiros e um helicóptero foram enviadas ao local. As vítimas foram levadas ao Hospital de Urgência de Goiânia (Hugo). Ainda conforme os Bombeiros, o garoto que efetuou os disparos faria parte da turma e foi apreendido pela Polícia Militar.

Por telefone, uma funcionária da escola falou que todos estavam "muito abalados, sem acreditar". O POVO Online tentou contatar a Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSPAP) e a Polícia Militar (PM), mas as ligações não foram atendidas. 

Redação O POVO Online

Convite Missa de 7º Dia - Tânia Maria Vieira de Araújo.

A Funerária São Francisco vem em nome da família de Tânia Maria Vieira de Araújo -  irmã do Paulo da Funerária -, convidar parentes e amigos para a missa de 7º dia de seu falecimento, que será realizada hoje, às 18h, na Igreja São Francisco de Camocim. 

A todos que comparecerem a este ato de fé e solidariedade cristã, a Funerária São Francisco e família agradecem antecipadamente.


Doutores da Comunidade: advogado Zenilson Coelho convida para "festa das crianças" neste sábado

Radialista diz que "prefeita Monica está mentindo, está sendo má" sobre nota de esclarecimento das demissões de servidores.

Em nota prefeita diz que foi decisão da Justiça (mentira)



O Radialista Miqueias Santos, da Liberdade FM, questionou a nota de esclarecimento publicada pela prefeita Monica Aguiar tentando justificar as demissões em massa dos servidores contratados. De acordo com Miqueias, a prefeita Monica está faltando com a verdade, "está sendo mentirosa, está sendo má ", quando diz que está obedecendo determinação da Justiça estadual.

O Radialista lembrou ainda que a prefeitura mantém (mantinha) 2300 - dois mil e trezentos contratados temporários e que o concurso público que a Justiça está  obrigando a prefeita a fazer oferece apenas 220 - duzentas e vinte vagas. " A senhora desaprendeu a contar, prefeita Monica?"E os  2100 - dois mil e cem (contratados) - nunca mais  vão voltar ? E a Prefeitura pode funcionar perfeitamente com estes 220 - duzentos e vinte (concursados) -, que a senhora determina no concurso?", questionou.

Confira o áudio acima.

Carlos Jardel 

Vereador Juliano Cruz será entrevistado hoje na Liberdade FM, às 13h,

O líder da bancada oposicionista na câmara contra a Prefeita Monica Aguiar falará entre outras coisas sobre o regime de escravidão imposto aos contratados de Camocim pela Prefeita Monica Aguiar que demitiu em massa centenas de camocinenses dois meses antes do prazo contratual se encerrar. Juliano afirma que a Prefeita agiu levianamente e sua intenção é apenas fazer caixa para a campanha de reeleição de seu marido Dep. Sérgio Aguiar.

Impacto Granja

Portal do TCE desmente prefeita: contratados poderiam ter ficado até dezembro. Município sequer está no nível de alerta.

De acordo com informações do Portal da Transparência do TCE - Tribunal de Contas do Cerá, o Município de Camocim não se encontra, sequer, na escala de nível de alerta, ou seja:  está longe de ultrapassar os limites legais de pagamento da folha. O que significa dizer que a prefeita Monica poderia ter mantido tranquilamente os servidores contratados até dezembro, sem a necessidade de antecipar a demissão de massa e prejudicar os serviço público e a vida dos contratados. 

Para que a prefeita está economizando dinheiro e prejudicando o funcionamento da máquina? 


Vaga de babá em Fortaleza proíbe celular, filhos pequenos e exige candidata magra


"Seja magra (pois precisa caber no carro já que são duas cadeirinhas no banco de traz" (sic). Essa é uma das exigências da vaga de emprego para babá, em Fortaleza, que foi postada nas redes sociais na última quarta-feira, 18. Além disso, o perfil - que já foi excluído do Facebook após polêmica entre internautas - procura candidatas que não tenham filhos menores de 5 anos e nem "vícios de celular", o uso é proibido durante os dias de trabalho.

As exigências são ilegais, de acordo com o juiz do trabalho, Konrad Saraiva Mota, da 7ª Região do Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE).

A babá irá cuidar de um bebê de três meses e uma criança de três anos, com remuneração de R$ 1 mil para 15 dias de trabalho consecutivos seguidos de 15 dias de folga, porém "devendo ficar sobreaviso para trabalhar caso seja necessário". O anúncio ainda diz que enquanto as crianças estiverem na creche, a futura contratada terá que auxiliar nas atividades de casa, como limpar e cozinhar.

Outras exigências da vaga que também chamam atenção é o fato da contratante exigir que a candidata "não pode ter problemas familiares que a obrigue a faltar o serviço" e tenha idade entre "20 e 30 anos".

Após a repercussão negativa nas redes sociais, o perfil que postou a vaga apagou a publicação e exclui a conta no Facebook.

Um internauta comentou ironizando no Facebook "Busco: Babá do palácio de Buckingham. Pago: Dois pastel e um chops" (sic). Já outra comentou, "não ter problemas familiares que obrigue a faltar o serviço - vulgo NÃO TENHA SEUS PRÓPRIOS FILHOS....deixa que só nós tenhamos uma família, enquanto você perde sua vida cuidando dela pra nós" (sic).

 Redação O POVO Online

Após anúncio de vaga para babá magra, juiz explica o que pode ou não ser exigido pelo contratante

Após a repercussão de um anúncio polêmico de vaga de emprego para babá em Fortaleza, que exige - entre outros requisitos - que a candidata seja magra, não tenha filhos menores de cinco anos e trabalhe por 15 dias consecutivos, o juiz do trabalho, Konrad Saraiva Mota, da 7ª Região do Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE) explica o que pode ou não ser exigido pelo contratante durante uma seleção de emprego.

De acordo com magistrado, as exigências citadas, feitas no anúncio da vaga de babá, são ilegais, por serem consideradas discriminatórias e ferirem os direitos garantidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). “Todas as exigências que considerem uma pessoa fora do padrão, como ter que ser magra para o desempenho da vaga, são consideradas discriminatórias. Além disso, a CLT veda expressamente qualquer requisito que exige estado civil específico ou ter ou não filhos. É completamente ilegal”, afirma.

Segundo o magistrado, até a exigência do gênero do candidato só pode ser feita em algumas vagas específicas, por exemplo, limpador de banheiro feminino. Já nas demais, exigir um gênero específico também é considerado ilegal.

Regime de trabalho por 15 dias consecutivos, como sugerido no anúncio, também é inconstitucional. “A Constituição do Trabalho garante que o trabalhador tenha um dia de folga, depois de seis dias trabalhados. Caso contrário, o contratante terá que pagar em dobro o dia de repouso não concedido”, disse o juiz.

Até mesmo a exigência de antecedentes criminais, Konrad Mota explica que o TRT entende que só pode ser exigido em determinados tipos de funções, como babá ou cuidador de idoso, por exemplo, nas demais não é obrigatório.

Punições

Caso seja identificado, o contratante que anuncia vaga com requisitos que ferem a Constituição do Trabalho ou expressam discriminação, poderá ser punido, ainda que não exista um contrato.

“Uma pessoa que tenha se sentido discriminada, por querer participar da seleção, mas não poder por conta dos requisitos ilegais exigidos, pode entrar com uma ação de reparação por danos morais na Justiça do Trabalho, para que o caso seja apurado”, afirma.

LENA SENA
O POVO

Enfermeiro é flagrado abusando de cadáver de mulher em necrotério

Um enfermeiro de hospital na Bolívia vai responder por atos obscenos e violação de corpo após ser flagrado abusando sexualmente de uma cadáver de mulher em necrotério.

O ato foi flagrado pelo marido da vítima quando ele ia prestar suas despedidas. As informações foram divulgadas pelos jornais La Prensa e El Ciudadano, e aconteceu na capital La Paz.

Grover Macuchapi Calle, de 27 anos, ainda apanhou do marido da jovem, que morreu uma hora antes do crime acontecer. Ela tinha 28 anos.

O acusado teria afirmado estar em transe e disse que pensava que era um sonho. Ele vai responder pela lei boliviana referente a necrofilia.

Redação O POVO Online

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Pressão: prefeita Monica publica nota de esclarecimento sobre demissões em massa.

A Prefeita de Camocim, considerando a atual conjuntura do país, com a notória crise econômica, sem precedentes, que tem atingido os municípios da federação, resultando na progressiva diminuição das receitas do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, propôs uma série de ações de contingenciamento de despesas e manutenção do equilíbrio das finanças públicas municipais:

Redução em 20% (vinte por cento) dos subsídios da Prefeita Municipal, do Vice-Prefeito e dos Secretários Municipais (Simbologia CAS – I), alterados, temporariamente.

Redução de 20% (vinte por cento) dos vencimentos dos titulares de cargos em comissão e das gratificações atribuídas aos ocupantes de funções de confiança, de secretário adjunto e superintendente, alteradas temporariamente. Excetuando-se os profissionais da educação que percebam seus vencimentos pelos recursos oriundos do repasse dos 60% (sessenta por cento) do Fundo de Desenvolvimento e Manutenção da Educação Básica – FUNDEB.

Suspensão de horas extras, diárias, passagens, hospedagens, lanches e refeições.

Também, a partir desta data, fica vedada a formalização de novos apoios financeiros destinados a convênios, patrocínios, apoio institucional e termos de repasse com entidades da sociedade civil, regatas, excursões de grupos, eventos festivos com atrações musicais e similares, além de outras despesas de idêntica natureza

Redução de 20% (vinte por cento) do valor dos contratos administrativos de prestação de serviços em geral; do valor dos contratos de locação de veículos, máquinas ou similares, excetuando-se os contratos de prestação de serviços de transporte escolar.

Todos os setores da Administração Pública Municipal passarão a funcionar em expediente corrido, das 08h00min às 14h00min, excetuando-se os postos de saúde, CRAS, CREAS, as escolas da rede de ensino municipal, devido a essencialidade destes serviços.

Em cumprimento a decisão da Justiça Estadual, determinou-se a rescisão de contratos temporários, bem como a realização de concurso público, tendo sido inclusive, já  realizada sessão pública de licitação para a contratação da empresa responsável pela prestação de serviços especializados de planejamento, organização e realização de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Camocim/CE.

As medidas acima visam preservar a condição de regularidade financeira e fiscal em que se encontra a Prefeitura Municipal de Camocim, que não pode ser alterada, tanto pela observância da Lei de Responsabilidade Fiscal, como pelo modelo administrativo da atual gestão municipal, que adota o controle e o equilíbrio de receita e despesa como parâmetro a ser seguido por todos os titulares de órgãos da administração e/ou ordenadores de despesas, por expressa determinação da Prefeita Municipal de Camocim, como responsável pelas Contas de Governo e supervisão superior da gestão municipal. Importante fazer o registro de que todas as obras em andamento na sede e zona rural do município continuarão com sua devida execução, contando neste sentido, com a manutenção dos repasses estaduais e federais.

Camocim/CE, 18 de outubro de 2017

Monica Aguiar

Prefeita Municipal

Prefeita Amanda do Romeu é referência na crise: "cria mecanismos de ajustes sem penalizar servidores", publicou blog de Sobral

A prefeita de Granja, Amanda do Romeu, se transformou em referência na administração pública no enfrentamento da crise econômica que atinge as prefeituras do Ceará. Diferente de muitos gestores, a jovem prefeita, como medida de contenção de gastos, não sacrificou os servidores públicos temporários e nem prejudicou os serviços públicos e muito menos a população. O blog Sobral de Prima, da cidade de Sobral, de grande "audiência" no Estado, destacou a seguinte manchete " Prefeita de Granja cria mecanismos de ajustes sem penalizar servidores". .

"Os cortes devem incidir sobre o custeio da máquina pública, e não sobre os salários", disse a prefeita. Confira o Decreto Municipal  com todas as medidas AQUI.

Vale destacar que os servidores temporários da Prefeitura de Granja foram admitidos conforme exigências das leis, através de seleção púbica, sobre a rigorosa orientação do Ministério Público Estadual, demostrando compromisso com a população e prudência na gestão da máquina pública.

Já em Camocim...

Os temporários foram contratados em desconformidade com a Lei, ignorando a orientação do Ministério Público, para atender tão somente a necessidade eleitoreira, em beneficio politico próprio/pessoal. Ou seja, a prefeita trocou votos por emprego na municipalidade, de imediato comprometendo a folha de pagamento e mostrando falta de compromisso com a administração e com os servidores. A demissão em massa e suas consequências já eram previstas. A surpresa negativa foi a sua antecipação, que apesar de prejudicar os serviços públicos, também prejudicou profundamente a vida dos contratados, começando com um constrangimento público e dificultando a vida financeira de cada um.

Carlos Jardel 

Promoção na FTB: Cálcio do Brasil, por 18,99. Leve 3 e pague apenas 2


Em Camocim, na FTB - Farmácia do Trabalhador do Brasil você compra o Cálcio do Brasil por apenas R$18,99, e na promoção, você paga duas e leva três unidades. 

Endereço: Rua 24 de Maio, no Centro de Camocim, em frente ao Fórum, ao lado do "Marcos Jornaleiro".

Além dos melhores preços, a Farmácia do Trabalhador se destaca pelo atendimento e pelo profissionalismo oferecido aos clientes, disponibilizando um profissional farmacêutico permanentemente.

 A maior rede do Brasil 

A Farmácia do Trabalhador é a maior rede do Brasil, com 1200 farmácias  espalhadas em vários estados, capitais e cidades.  Camocim integra a lista das 28 cidades cearenses que disponibilizam este empreendimento para a população.