Granja-CE: pichações com ameaça de "massacre" na escola profissional amedronta professores, pais e alunos - Revista Camocim

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







sexta-feira, 3 de junho de 2022

Granja-CE: pichações com ameaça de "massacre" na escola profissional amedronta professores, pais e alunos



Desde ontem, quarta-feira 01, rolam em grupos de whatsapp comentários e especulações sobre a presença maciça de policiais militares no interior da Escola Profissional de Granja. Muitos assuntos surgiram e por isso o Camocim Polícia 24h resolveu averiguar e descobrir o que realmente aconteceu. 


De acordo com o policiamento de Granja, ontem, quarta-feira 01, funcionários da escola encontraram várias pichações no banheiro masculino. As pichações tinham os seguintes conteúdos: 


1 - “Massacre” e mais embaixo uma espécie de assinante identificado como “Pele Arrancada” 


2 - “Massacre, vão morrer” 


3 - “Se eu sofri, você tbm (também) vão sofrer” 


4 - “Massacre 02/06” (dois de junho)  


Diante do assunto, direção da escola, funcionário alunos e pais ficaram amedrontados devido o conteúdo ameaçador das pichações.  


Anda de acordo com os informes, momentos depois de terem descoberto as pichações, a polícia foi acionada, foi até a escola e em seguida as foram apagadas. Já durante a manhã desta quinta-feira, 02, por volta das 07h, novas pichações com o mesmo conteúdo foram descobertas no banheiro. Policias militares do Raio e do P.O.G. foram acionados, realizaram rondas e vistorias no interior da escola e passaram todo o dia de prontidão naquela unidade escolar, sendo que nenhuma anormalidade a mais foi registrada. 


Hipóteses 


O policiamento trabalha com a hipótese de vandalismo praticado por um ou mais alunos da escola. Essa é a hipótese mais aceita, no entanto, não se pode descartar uma situação mais séria supostamente planejada por um ou mais aluno que esteja passando por problemas de transtornos psicológicos, sofrendo bullying ou até mesmo tentando copiar atentados ocorridos em outros lugares. A Polícia Militar está alerta e continuará prestando segurança aquela comunidade escolar. O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil. 


Camocim Policia 24h