Camocinense denuncia: "sem material para curativos, posto de saúde da Cohab está jogado às traças" - Revista Camocim



Clique na imagem e conheça os produtos






Para mais mais informações, clique na imagem





quarta-feira, 6 de abril de 2022

Camocinense denuncia: "sem material para curativos, posto de saúde da Cohab está jogado às traças"



Uma dona de casa, moradora do bairro Boa Esperança, denunciou que a Unidade Básica de Saúde da Cohab, onde ela é atendida, "está entregue às traças". De acordo com a denúncia, que chegou ao radialista Miqueias Santos,  falta, dentre outras  coisas, material para a realização de curativos nos pacientes. 


"Quando não falta a pomada, falta gaze, quando tem a gaze, falta a pomada e falta soro, e tem dias que falta tudo", disse a dona de casa, que na semana passada, após ter lavado o filho para fazer um curativo, sem sucesso,  procurou o serviço de ouvidoria da secretaria municipal da saúde para reclamar e pedir a resolução do problema. 


Na secretaria, uma servidora insinuou que a mulher estava mentindo, pois, ela [servidora] passara no posto de saúde "e as meninas não haviam relatado problemas ".  


Após a reclamação, na semana passada,  a secretaria envio ao posto de saúde o material para a realização dos curativos, porém foram insuficientes, de modo que até ontem, segundo a denúncia, não havia mais nada.


Além da falta de materiais e medicamentos, a balança e o aparelho de aferição da pressão estavam quebrados e a estrutura física do posto, segundo a popular, "está para desabar na cabeça dos servidores". 


"Seria melhor fechar logo", concluiu a autora da reclamação. 


Carlos Jardel