Tragédia! Mulher mata duas filhas e tira a própria vida por não aceitar fim do relacionamento - Revista Camocim

Clique na imagem e fale com a gente

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Financiamento a partir de R$160 mil.Venha conversar com a gente. Clique na imagem.


Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




quarta-feira, 20 de dezembro de 2023

Tragédia! Mulher mata duas filhas e tira a própria vida por não aceitar fim do relacionamento



Uma mulher identificada como Jéssica Silva do Nascimento, de 33 anos, é suspeita de causar a morte de suas duas filhas no município de Parnaíba, no litoral do Piauí, na noite de terça-feira (19). Jéssica foi achada morta horas depois com sinais de suicídio.


Conforme investigações iniciais da Polícia Civil, primeiro ela provocou um incêndio em sua residência, situada no conjunto Raul Bacelar, onde morava com as duas meninas, Alice, 5 anos e Letícia, de 10.


Após iniciar o incêndio, a suspeita deixou a casa com as duas filhas em uma motocicleta em direção à praia da Pedra do Sal, onde as duas crianças foram encontradas desacordadas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, há indícios de que Jéssica tenha afogado as crianças. Alice e Letícia foram levadas ao Hospital Nossa Senhora de Fátima, mas elas já estavam mortas.


Horas depois, Jéssica Silva foi encontrada morta em um bar próximo à praia, levantando a principal suspeita de suicídio. Conforme a Polícia Militar, existem mensagens indicando que ela não aceitava o término do relacionamento com seu então parceiro, identificado apenas como Paulo.


O comandante do Batalhão da PM no litoral do Piauí, coronel Erisvaldo Viana Lima, supõe que a mulher teve um surto psicótico.


"Ela surtou, teve um surto psicótico depois que marido falou que não queria mais o casamento. Depois da conversa, ela ateou fogo na casa, foi pegar uma motocicleta e levou as duas filhas para a praia Pedra do Sal” comentou o coronel.


Meio Norte com informações do repórter Carlos Mesquita.

via Camocim Policia 24h