Prefeitura de Jijoca oficializa doação de terreno para implantação de unidade da UFC na Vila de Jericoacoara - Revista Camocim

Clique na imagem e fale com a gente

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Financiamento a partir de R$160 mil.Venha conversar com a gente. Clique na imagem.


Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




quinta-feira, 28 de dezembro de 2023

Prefeitura de Jijoca oficializa doação de terreno para implantação de unidade da UFC na Vila de Jericoacoara

 


A Universidade Federal do Ceará (UFC) começará o próximo ano com a marca da expansão. A Prefeitura de Jijoca de Jericoacoara, município a 298 quilômetros de Fortaleza, fez a doação de um terreno de 5.648,36 metros quadrados distante 300 metros da praia na internacional Vila de Jericoacoara, para instalação de uma sede da UFC, vinculada ao Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR). O projeto de lei oficializando a doação foi aprovado nesta quarta-feira (27) pela Câmara de Vereadores daquele município.


O futuro equipamento será base do projeto UFC em Jericoacoara e contará com uma estação científica, um centro de visitantes, uma unidade de formação na área de turismo ecológico, auditório e alojamentos. Entre os planos, também está a criação de um curso de graduação em Turismo Ecológico. Em sessão no último dia 15, o Conselho Universitário (CONSUNI) aprovou o recebimento do terreno em cumprimento às normas legais da Universidade em relação à doação de imóveis.




“Em janeiro de 2024 serão feitas as medições do terreno para a elaboração do projeto básico do centro de formação e do anexo para hospedagem. Atualmente, temos o projeto básico da Estação Científica. Em seguida, serão feitos os projetos executivos para a licitação. O recurso já está garantido por emenda da bancada federal do Ceará para a UFC”, informa o reitor da UFC, Prof. Custódio Almeida.


Para o reitor, “a ideia é que a Estação seja guardiã do Parque Nacional de Jericoacoara”. Ele explica que a iniciativa “tem a finalidade de apoiar a conservação dos seus recursos socioeconômicos e ambientais através do ensino, da pesquisa e da extensão, bem como contribuir para a elaboração e implementação de políticas públicas de relevância local, nacional e internacional na Área de Proteção Ambiental da Lagoa de Jijoca e no Parque Nacional de Jericoacoara, sobretudo se considerarmos o contexto das mudanças climáticas, oceanos, transição energética e turismo sustentável”.


PROJETO OUSADO – No último dia 4, o reitor havia recebido no Gabinete da Reitoria o prefeito de Jijoca de Jericoacoara, Lindbergh Martins, acompanhado do assessor jurídico Ari Leite, da Procuradoria do Município, quando foi tratada a questão da doação do terreno. Na ocasião, foi apresentado o projeto pela diretora do LABOMAR, Profª Lidriana Pinheiro, e pelos professores do Instituto, Prof. Marcelo Soares, que fez os contatos prévios com a Prefeitura, e Tommaso Giarrizzo, docente visitante.


A doação do terreno em Jericoacoara para a UFC foi pauta em reunião na Reitoria no último dia 4 (Foto: Viktor Braga/UFC Informa)


Na área de formação, o plano é que o novo espaço tanto sirva para a realização de cursos de extensão de curta duração como para atividades do futuro curso de graduação em Turismo Ecológico, a ser criado no LABOMAR. “É um projeto ousado que tem como objetivo impactar o ensino da graduação, da pós-graduação, da pesquisa e extensão não somente dos cursos ligados ao LABOMAR, mas sim de toda a Universidade, porque, quando se trabalha com desenvolvimento sustentável, nós estamos trabalhando com saberes multidisciplinares e interdisciplinares”, comenta a Profª Lidriana.


E ela acrescenta: “Já temos um conhecimento muito grande da região com projetos coordenados por professores nossos lá. Temos também a tradição de visitas com aulas de campo nessa região, então assim com relação à questão da coordenação das atividades extras, fora da área da região metropolitana e da cidade de Fortaleza, nós já temos grande experiência”.


O Prof. Marcelo Soares ressalta que o Conselho Comunitário e o Conselho Empresarial de Jericoacoara se unem no desejo de a UFC e Prefeitura de Jijoca criarem essa unidade universitária porque, observa ele, “a região [no entorno de Jericoacoara] não tem universidade nem pública nem privada”. Ele destaca ainda a importância do futuro centro de visitantes para o desenvolvimento da educação ambiental naquela área.


“Além disso, a gente vai ter um auditório grande, com 250 lugares, o que vai dinamizar a questão de turismo de eventos. O espaço pode ser usado para congressos, seminários, workshops. E, por fim, vai ter um alojamento. Como lá tem um custo significativo de habitação, esse alojamento vai ser usado por alunos, servidores, pesquisadores internacionais que nós vamos trazer”, acrescenta ele.


Fonte: Gabinete do Reitor – fone: 85 3366 7307 / Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR) – (85) 3366 7000