A pedido da Defensoria Pública, Justiça determina ao Estado que forneça leito de UTI para paciente internada com COVID -19 na UPA de Camocim - Revista Camocim

Se inscreva nosso canal no YouTube


Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




quarta-feira, 8 de março de 2023

A pedido da Defensoria Pública, Justiça determina ao Estado que forneça leito de UTI para paciente internada com COVID -19 na UPA de Camocim




A Juíza Amaira Cisne Gomes, da 2a Vara da Comarca de Camocim, determinou ao Estado, na tarde desta quarta-feira (8), que  Providencie, na rede pública ou privada, no prazo de 24h, um Leito de Unidade de Tratamento Intensivo - UTI para a paciente Elisabete de Pinho, camocinense de 66 anos,  internada em estado grave na Unidade de Pronto Atendimento 24h de Camocim - UPA 24h, desde o dia 3 de março. 


Trecho da sentença. 





A decisão da Justiça atende a Ação impetrada pela Defensoria Pública do Estado do Ceará, por meio do defensor Edmar Albuquerque.


"Conforme laudo médico, o paciente encontra-se em estado grave, em uso de ventilação mecânica para manutenção adequada da respiração. Dessa forma, é imprescindível a transferência para leito de Unidade de Terapia Intensiva – UTI, EM CARÁTER DE URGÊNCIA, sob o risco de morte, em decorrência das patologias presentes", justifica o Defensor.


Ainda de acordo com a Defensoria, "Já houve solicitação de UTI na Central de Leitos (CRESUS), sob a numeração 1770227 (FAST MEDIC) , todavia até presente momento o Poder Público não prestou a necessária e devida assistência".


Declaração médica 



Carlos Jardel