Após pressão, sem conseguir sustentar tese de atraso dos recursos federais, prefeita paga transporte escolar - Revista Camocim

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!
Clique na imagem

Contato: (88)9 9937-1998

Contato: (88)9 9937-1998

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







terça-feira, 6 de dezembro de 2022

Após pressão, sem conseguir sustentar tese de atraso dos recursos federais, prefeita paga transporte escolar

Transportes locados para as demais secretarias continuam sem receber. 



A prefeita Betinha resolveu, depois da pressão do blog e da Rádio Liberdade FM 90.3, principalmente após a divulgação dos repasses regulares do Governo Federal para o transporte escolar, pagar os proprietários de veículos locados para a educação municipal. 


Os donos de transportes e motoristas que fazem as rotas dos alunos estavam há dois meses sem pagamento. A empresa responsável pelo serviço havia informando, como justificativa, que o Governo Federal havia atrasado os recursos.  O vereador Professor Mário Roberto combateu a informação postando em rede social os valores recebidos pelo município sem atrasos: mais de R$ 650 mil e com um aumento de 12% em relação ao mesmo período do ano passado.


O Revista Camocim reproduziu a postagem do vereador, que logo se espalhou entre os donos de transportes, gerando revolta e ameaças de paralisação dos serviços; Hoje pela manhã o pagamento foi liberado. 




Os transportes das demais secretarias continuam sem receber o pagamento e sem previsão.  


Carlos Jardel