Policial que matou jovem disse estar arrependido e ter agido num "momento de fúria, levado por uma violenta emoção" - Revista Camocim



Clique na imagem e conheça os produtos




Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733

Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733

Para mais mais informações, clique na imagem





segunda-feira, 7 de fevereiro de 2022

Policial que matou jovem disse estar arrependido e ter agido num "momento de fúria, levado por uma violenta emoção"



O Policial que matou com vários tiros de pistola o jovem Mateus de 19 anos, George Tarick Vasconcelos Ferreira, de 33 anos, disse em depoimento à Polícia Civil, que cometeu o ato em um "momento de fúria, levado por uma violenta emoção". Além  disso, o militar afirmou que naquele momento estava sob efeito de álcool, pois estava usando bebidas alcoólicas desde o meio-dia do último sábado (05). 




O crime ocorreu na madruga de domingo (06), na Delegacia Regional de Polícia Civil de Camocim.


Ainda no depoimento, George Tarick disse estar arrependido de sua conduta, pois "não era eu" quem cometeu o crime de homicide-o.


LEIA TAMBÉM:  








Carlos Jardel