Novo decreto municipal ratifica o passaporte sanitário - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça os produtos

Clique na imagem e faça agora sua pré-inscrição. Vagas limitadas!


Para mais mais informações, clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem
R.General Tibúrcio, vizinho à Academia de Letras, Centro.Telefone: (88) 9 9422 2120.









segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

Novo decreto municipal ratifica o passaporte sanitário



A Prefeita de Camocim, Elizabete Magalhães voltou a reunir o comitê de enfrentamento à Covid-19 neste sábado (08) devido ao agravamento dos casos de pacientes positivados no município. Estiveram presentes de forma virtual representes de pastas estratégicas como Procuradoria Jurídica, Secretária de Saúde, Conservação e Serviços Públicos, Turismo, Educação, Segurança e à Presidência da CDL, encabeçada pelo contador Edemir Pereira.


Entre as medidas anunciadas estão reabertura do Centro de Saúde SESP, busca ativa da população não vacinada, horário corrido nos órgãos da administração pública que não cumprem atividade essencial e outras.


No decreto publicado ainda na noite do último sábado, 08, a Prefeita reforça a necessidade do “Passaporte Sanitário”;


Redução do público em eventos sociais e festivos para até 500 em espaços abertos e 250 em locais fechados.


O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II e CAPS AD) permanecerá funcionando em dois expedientes, das 07h30min às 11h30min e das 13h30min às 17h30min, devido à essencialidade destes serviços para o combate à pandemia do novo coronavírus (covid-19);


A Farmácia Municipal, o Laboratório Municipal de Análises Clínicas (LAMAC) e a Central de Regulação (CARA) permanecerão funcionando em dois expedientes, das 07h30min às 11h30min e das 13h30min às 17h30min, devido à essencialidade destes.


Centro de Saúde, UPA 24h e unidades básicas de saúde estarão em horário integral para atender pacientes com síndromes gripais e síndromes respiratória aguda grave.


As síndromes gripais crescem paralela aos casos de Covid-19 em Camocim. Camocim vive um surto de gripe dentro de uma pandemia de Covid-19.


O referido decreto municipal é válido até 16 de janeiro.


Leia mais no site: www.camocim.ce.org.br


André Martins, no Camocim Portal de Noticias