Moraújo - Prefeitura não paga energia do poço profundo e deixa comunidade sem abastecimento de água - Revista Camocim

Matricule seu filho: clique na imagem para mais informações














terça-feira, 23 de novembro de 2021

Moraújo - Prefeitura não paga energia do poço profundo e deixa comunidade sem abastecimento de água



Na comunidade  de Mato Verde, no Distrito de Serrinha, município de  Moraújo, os moradores estão denunciando que o prefeito Carlos Aquila deixou de pagar a conta de energia referente ao poço profundo que abastece a comunidade, e ainda teria dito que  ele "não tem obrigação de pagar".


De acordo com relato de populares, o prefeito manteve o pagamento da energia em dia somente até quando lhe foi conveniente politicamente. Ou seja, até o dia em que parte significativa da comunidade deixou de apoiá-lo nas urnas.  


"Quando algumas pessoas aqui da região o apoiavam, tudo estava bem, depois, começou o sofrimento. Sendo que para nós da comunidade não ficarmos sem água, fizemos uma vaquinha, tirando dinheiro de onde não temos, e pagamos do nosso bolso R$ 695,73. E isso porque a energia já estava cortada." Relatou um morador da comunidade.


Outra conta no valor de R$ 262,46 teve o prazo de pagamento vencido recentemente, entrando para a lista de corte. 


Outra comunidade 


A comunidade de nome Chora, também no distrito de Serrinha, tem enfrentando problemas bem parecidos com o da comunidade Mato Verde. Lá, a bomba do poço profundo queimou e os moradores ficaram sem água no chafariz. A prefeitura não se responsabilizou e  foi preciso uma família  comprar o equipamento com recursos próprios para o povo não morrer de sede. 


Detalhe: os moradores contam que a  energia que abastecia o poço vinha de uma escola da comunidade. E com 15 dias, após a instalação da nova bomba,  a Enel cortou o abastecimento da escola por falta de pagamento, deixando, mais uma vez, o povo sem água.


Carlos Jardel 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.