Alfinetada: prefeito "Live Veras" o ingrato! - Revista Camocim













terça-feira, 9 de novembro de 2021

Alfinetada: prefeito "Live Veras" o ingrato!



Jaime Veras, prefeito de Barroquinha, aos poucos vem mostrando sua verdadeira versão, e aos poucos vai retirando a máscara que usou durante toda sua campanha. O sentimento de ingratidão é típico de pessoas desonestas, maldosas e mentirosas, sendo o oposto do que ele pregou em sua campanha, que foi pautado em promessas de melhorias para a população: prometeu gerar emprego e renda, e tratar todos os munícipes em pé de igualdade, sem discriminar opositores ou não adeptos a sua politica.


Em menos de 01(um) ano de gestão, o então prefeito de Barroquinha já demostrou quem ele verdadeiramente sempre foi, deixando para traz grandes lideres que defenderam e apoiaram sua campanhas, inclusive com fortes ajudas financeiras. Para comprovar tal realidade basta observar o que ele fez com o Branco (O rei do Camarão) uma das maiores liderança do seu grupo politico. Branco sempre foi sinônimo de esperança e determinação para o grupo, nunca mediu esforços financeiros para manter o grupo  vivo no cenário politico, mas em troca Jaime Veras ao chegar no topo do poder executivo municipal deu as costas para seu correligionário político.


Ontem, dia 09, foi a vez do prefeito "Live Veras" agredir e acusar covardemente o prefeito de Chaval, Sebastião Sotero,  que  manteve durante 04 anos, membros do  Grupo do Jaime nos quadros da gestão. 


Para Jaime Veras chegar ao poder contou incansavelmente com a ajuda do prefeito de Chaval, Renato Fiel que o diga, afinal ele era um dos braço direito do Prefeito Sebastião. 


Diante dos fatos apresentados ficam os questionamentos, se Jaime Veras fez isso com O Rei do Camarão  e com o Prefeito de Chaval, o que os eleitores mais humildes que o apoiaram podem esperar? 


Torno a dizer Jaime Veras se sagrou vencedor das eleições através de promessas de empregos e distribuição de rendas. Ele só esqueceu de acrescentar que isto ficaria restrito ao seu grupo seleto de familiares e bajuladores.


Carlos Jardel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.