Não quer atender - Prefeita Betinha coloca dificuldades para receber Guardas Municipais - Revista Camocim













terça-feira, 26 de outubro de 2021

Não quer atender - Prefeita Betinha coloca dificuldades para receber Guardas Municipais




A prefeita de Camocim, Betinha, não quer atender os profissionais da Guarda Civil Municipal de Camocim. E já deixou isso bastante evidente. Considere, caro leitor, que já está com mais de 1 (um) mês que uma comissão destes agentes da segurança pública municipal e o sindicato da categoria realizaram conjuntamente, no dia 16 de setembro, um manifestação reivindicatória na porta da prefeitura, mas que até o presente momento, por parte da gestora do município, apesar das promessas, não ocorreu nada, no sentido que atenda sequer a pauta básica dos servidores: criação de uma mesa de negociações.  NADA! ABSOLUTAMENTE nada por parte do Gabinete se movimentou no rumo correto.




O que se sabe, através de pessoas ligadas ao Gabinete da Prefeita, é que Betinha exigiu que  fosse retirado da comissão de negociações da Guarda  um dos membros que não era do seu agrado, caso contrário, as negociações não iriam avançar. [Se bem que em momento algum ocorreu qualquer negociação]. Os guardas aceitaram a solicitação mas a entenderam como um aviso 'ameaçador'. 


Agora, conforme apuramos com fontes da prefeitura, próximas da prefeita, é que os Guardas deram um prazo para ocorrer uma reunião, que se esgotará no próximo  dia primeiro de novembro. Até lá não haverá manifestações. 


A categoria reivindica, dentre várias melhorias, o Plano Municipal de Cargos, Carreira e Remuneração. 


Carlos Jardel 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.