Informativo do Escritório Flávio Coutinho Advocacia & Consultoria - Revista Camocim















segunda-feira, 12 de julho de 2021

Informativo do Escritório Flávio Coutinho Advocacia & Consultoria

  Fique alerta. Em caso de suspeitas, comunique a polícia.



Novos golpes estão atingindo aposentados de todo Brasil e demandam cuidado. Um deles diz respeito à vacinação contra o Coronavírus. Os criminosos enviam mensagem pelo whatsApp ou SMS em nome do Ministério da Saúde, oferecendo agendamento da vacina, solicitam dados e induzem a vítima a clicar em links que levam à clonagem do aparelho. O Ministério da Saúde afirma que não telefona para marcar vacinas e jamais pede este tipo de confirmação de dados.


PROVA DE VIDA E EMPRÉSTIMO CONSIGNADO DO INSS


Em outro golpe, os criminosos ligam para aposentados informando serem do INSS, com orientações para realização de Prova de Vida. "Na ligação são falados todos os dados pessoais e enviada uma mensagem, por whatsApp, pedindo para que o aposentado envie uma foto de um documento para finalizar o processo. A pessoa que fala é muito segura", alerta o INSS.


O INSS alerta que não realiza nenhum contato por telefone para procedimento de Prova de Vida, por isso, no caso de recebimento dessa ligação deve-se desligar o telefone e não informar nenhum dado. Avalia-se que esse golpe começou a ser aplicado com a ampliação da prova de vida por biometria facial, realizada por meio de aplicativo. 


Outra modalidade de golpe relacionado ao INSS ocorre quando criminosos pedem dados dos aposentados para realizar o empréstimo consignado, fazem o empréstimo em nome do beneficiário, sacam o valor e deixam as parcelas para a vítima pagar.


COMUNICAÇÃO AO INSS


O INSS só entra em contato com o cidadão em situações específicas e para informar a respeito de procedimentos, andamento de requerimentos ou realizar reagendamentos , em nenhum momento solicita qualquer informação como CPF, nome da mãe ou senhas. O segurado pode receber um e.mail, um SMS, uma carta ou ligação do INSS, sempre por meio dos canais oficiais de atendimento: Meu INSS, Central de Atendimento 135, ou SMS identificado como 280-41.


O segurado é contatado por meio das informações fornecidas em seu cadastro (e.mail, telefone e endereço) e, por isso, é importante que mantenha o seu cadastro junto ao INSS atualizado com os dados para contato. A atualização pode ser feita pelo aplicativo Meu INSS e por meio da Central 135. Por sua vez, quando o segurado entra em contato com o INSS, o instituto poderá solicitar informações como CPF e nome da mãe para confirmação da identidade do interessado e para que seja respeitado o sigilo das informações. 


Caso o cidadão notificado tenha alguma dúvida ele pode ligar no 135, o telefone oficial do INSS para mais informações.


VELHOS CONHECIDOS CONTINUAM FAZENDO VÍTMAS


Outros golpes antigos ainda hoje fazem vítimas, principalmente entre idosos. Um deles, que já causou grandes prejuízos, é o golpe do cartão de banco clonado. A vítima recebe um telefonema dos estelionatários se passando por funcionário do banco e dizem que ocorreram algumas compras suspeitas e que, por medida de segurança, o cartão deve ser cancelado.


Para realizar esta operação, eles pedem dados como número, senha ou o código de segurança que fica no verso de cartões de crédito. Alguns pedem para a pessoa desligar o telefone e ligar para um 0800. Porém eles mesmos permanecem na linha e fingem atender se passando por funcionário da central responsável pelo cancelamento. Em alguns casos, eles orientam a vítima a quebrar o cartão e entregar para um motoboy do banco, que em pouco tempo aparece em frente à casa da vítima. Com o cartão quebrado, mas com chip intacto e senha, eles conseguem realizar grandes compras e saques.


Advogados alertam também contra criminosos que enviam cartas ou comunicados em nome de escritórios ou Tribunais, especialmente para ex-servidores públicos, informando sobre Ações Jurídicas com valores a receber, solicitando um depósito do valor das custas processuais para a execução.


Fonte: JornalJurid

Nenhum comentário:

Postar um comentário