Martinópole - Paciente procura atendimento (receita) em posto de saúde e é interrogado: " qual é o seu partido?" - Revista Camocim

quinta-feira, 22 de abril de 2021

Martinópole - Paciente procura atendimento (receita) em posto de saúde e é interrogado: " qual é o seu partido?"




Servidores da Unidade Básica de Saúde Moura Fé, em Martinópole, colocaram um critério "criminoso" para atender seus usuários. É um absurdo, mas é verdade. Pelo menos - que já é um tragédia da imoralidade e da falta de respeito -  ocorreu com um paciente que precisou receber a receita de seu medicamento continuo. Entenda: 


Chegando lá - no posto - depois de uma demora prejudicial, o paciente perguntou que horas ele iria ser atendido, quando escutou como resposta: "Você votou para  qual prefeito na eleições passada?". Surpreendido com a pergunta o cidadão ficou sem reação, constrangido e humilhado. No entanto conseguiu  responder: "eu não voto pra ninguém".


A resposta parece não ter agradado muito a quem perguntou, haja vista que somente depois de um "tempão" foi que o usuário recebeu sua receita, inclusive sem ter sido atendido pelo profissional médico ou de enfermagem. 



Alfinetada


Lembrei no dia em que o James Bel, quando prefeito, num discurso inflamado em praça pública, disse, em bom tom, que iria trabalhar apenas para os seus eleitores.

Apesar de ele  não ser o prefeito da cidade - porque é ficha suja e foi impugnado - é ele quem governa, dando as ordens para o prefeito tampão, que por sua vez, coitado, tem metido os pés pelas pernas e feito "uma cagada atrás da outra".


Essa, de perguntar "em quem você votou" ultrapassa os limites de toda a sacanagem na politica pública de atendimento ao cidadão. É crime! O cidadão precisa denunciar o caso ao Ministério Público e até mesmo as autoridades policiais. 



Carlos Jardel 

Nenhum comentário:

Postar um comentário