Combustível da Prefeitura de Barroquinha/CE continua na mira do TCE - Revista Camocim

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Combustível da Prefeitura de Barroquinha/CE continua na mira do TCE




Depois da Ação do Vereador Jodeal Alcântara, que culminou na anulação da Licitação do Combustível da prefeitura de Barroquinha, por falhas no edital, que restringiam a competição no certame, o município publicou uma nova licitação, no entanto, com mais irregularidades. Só que dessa vez, o pedido de correção partiu do advogado, ex-procurado  do Município, Rildo Veras.




A comissão de Licitação acatou parcialmente o pedido do ex-procurador. No entanto, o advogado, Rildo apresentou seus questionamentos ao Tribunal de Contas do Ceará, que acatou os questionamentos apresentados e solicitou do Prefeito Jaime Veras, do ex-pregoeiro Lucas Willian, do Procurador Jorge Umbelino e dos gestores municipais, esclarecimentos acerca das irregularidades, recomendando ainda que os responsáveis evitem dar continuidade ao procedimento da licitação e aguardem a manifestação de mérito do Tribunal. 


Dentre as falhas apontadas, a exigência de que empresas interessadas  apresentem documentos originais acompanhado de cópia simples, compareçam com 24h de antecedência na sede da Comissão, o que possibilita a prefeitura conhecer previamente os licitantes interessados, e a realização de alterações no Edital, que interferiram na formulação das propostas, sem a reabertura do prazo inicialmente previsto, restringindo ilegalmente a competição do certame.


A Saber:  Os últimos acontecimentos geraram tanta repercussão que o Presidente da Comissão/Pregoeiro, Lucas William, foi exonerado do cargo, atestando, de fato, as irregularidades apontadas.







Alfinetada


O prefeito Jaime Veras, o rei das notinhas, muito provavelmente culpará o Tribunal de Contas do Ceará e o advogado Rildo Veras, pelos desmandos e irregularidades de sua própria gestão, que, de forma irresponsável, não consegue realizar contratações básicas para o município.



Carlos Jardel

Nenhum comentário:

Postar um comentário