Jovem é queimado com óleo quente em ataque homofóbico no Ceará - Revista Camocim

Clique na imagem e se inscreva no nosso canal


Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




terça-feira, 9 de julho de 2024

Jovem é queimado com óleo quente em ataque homofóbico no Ceará

 


Um jovem teve o corpo queimado após receber óleo quente do vizinho, neste sábado (6), no município de Ocara, no Maciço de Baturité do Ceará. O suspeito é um adolescente de 17 anos e está foragido.


Segundo familiares, a agressão aconteceu após uma discussão entre a vítima, Miguel Átila dos Santos, 21 anos, e a tia do suspeito. A vítima disse que sofreu homofobia.


Após terminar a briga, o jovem foi até a sua residência e esquentou o óleo. Em seguida foi até a casa de Miguel Átila e o chamou para conversar. A vítima falou que não queria sair. O adolescente então invadiu a residência e jogou o óleo em Miguel Átila. Ele sofreu queimaduras graves no rosto, braços e no peito.


"Eu fui vítima de homofobia. Eu fui agredido dentro de minha própria residência. O óleo quente me atingiu o meu rosto, meus braços, meu ombro e minhas costas. Foi meu vizinho de 17 anos. Eu quero justiça", disse.


Miguel Santos sofreu queimaduras de segundo e terceiro grau. Ele está internado no setor de queimados no Hospital Instituto Doutor Frota (IJF), no Centro de Fortaleza.


A Secretaria da Segurança Pública investiga o caso como tentativa de homicídio doloso. Até a manhã desta segunda-feira (8), o suspeito segue foragido.


G1 Cerará