Mesa de Diálogo do Governo Federal discutirá em Camocim os impactos dos parques eólicos e solar no litoral nordestino. - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




sábado, 16 de março de 2024

Mesa de Diálogo do Governo Federal discutirá em Camocim os impactos dos parques eólicos e solar no litoral nordestino.






Pescadores e pescadoras de Camocim e região irão discutir, no próximo dia 19, com a Mesa de Diálogo da Secretaria Geral da Presidência da República — SGPR, a situação dos trabalhadores e trabalhadoras da pesca artesanal diante dos empreendimentos eólicos e solar instalados no litoral nordestino.  


“Esses empreendimentos causam graves danos irreversíveis em muitos territórios e comunidades do litoral e de outras regiões do Nordeste”, disse Tita, um dos articuladores do evento em Camocim, membro do Movimento Povos de Luta e da Associação Comunitária de Tatajuba. “ O clamor dos povos chegou ao Governo Federal, que criou a Mesa de Diálogo para ouvir e tratar as questões diretamente com as comunidades afetadas”, pontuou.


Conforme a programação do evento, os participantes deverão iniciar as atividades às 10h, em Frente ao Museu dos Pescadores, na Avenida Beira Mar, saindo em caminhada até o porto das canoas. Às 13h, haverá uma reunião no Auditório do Sindicato dos Pescadores de Camocim.





Carlos Jardel