Suspeito de invadir residências e atacar mulheres em Jijoca de Jericoacoara não resiste a ferimentos e morre durante atendimento hospitalar - Revista Camocim

Clique na imagem e fale com a gente

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Financiamento a partir de R$160 mil.Venha conversar com a gente. Clique na imagem.


Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




quinta-feira, 1 de fevereiro de 2024

Suspeito de invadir residências e atacar mulheres em Jijoca de Jericoacoara não resiste a ferimentos e morre durante atendimento hospitalar


Vilmar Avelino Alves, de 24 anos, natural de Acaraú, invadiu uma residência na rua 07 de Setembro, em Jijoca de Jericoacoara, na tarde de quarta (31), atacou a dona da casa e tentou fazê-la refém.  Na mesma tarde ele invadiu outra residência no Centro e atacou uma babá que estava com uma criança no braço. Em um ato de bravura, a babá se trancou no quarto com a criança, pulou a janela com o bebê no  e correu para pedir ajuda.


A Polícia Militar foi avisada que o suspeito estava na residência quebrando tudo. Quando os policiais chegaram encontraram a casa toda revirada e o indivíduo caído ao chão agonizando. Uma ambulância foi acionada e o suspeito foi socorrido ao servido de emergência do hospital em estado de coma. Os médicos decidiram entubá-lo e transferi-lo para a Santa Casa de Sobral, onde, segundo informações, chegou sem vida.


Ele é suspeito de ter invadido mais duas residências em Jijoca. Em uma delas, teria amarrado e estuprado uma dona de casa. 


A Polícia Civil de Jijoca de Jericoacoara investiga se os crimes estão relacionados ao mesmo suspeito.


Informações do repórter Idomilson Martins no Portal Jijoca Jeri Online