Cartão Ceará Sem Fome irá contemplar famílias com renda per capita de até R$ 218 - Revista Camocim

Clique na imagem e fale com a gente

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Financiamento a partir de R$160 mil.Venha conversar com a gente. Clique na imagem.


Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




quinta-feira, 4 de janeiro de 2024

Cartão Ceará Sem Fome irá contemplar famílias com renda per capita de até R$ 218



O Governo do Estado divulgou novos critérios para os beneficiários do Cartão Ceará Sem Fome nesta quarta-feira (3). Com a mudança, famílias beneficiárias do Bolsa Família, com renda per capita de até R$ 218, serão contempladas pelo programa.

A informação foi divulgada pelo governador Elmano de Freitas, ao lado da primeira-dama Lia de Freitas, através de uma transmissão ao vivo nas redes sociais. Antes, a renda per capita estabelecida era de até R$ 168.

“Com isso, nós vamos passar de 43 mil famílias para 53 mil. As prefeituras e secretarias de Assistência Social vão receber a lista dessas famílias para visitá-las e validar. Em 2023, foram mais de R$ 80 milhões aplicados em compra de alimentos no mercado local por essas família”, declarou Elmano de Freitas.

Outra mudança é que o responsável familiar no CadÚnico deve ser, preferencialmente, uma pessoa com baixa escolaridade (sem ensino fundamental completo). As informações estão disponíveis no Decreto de N° 35820, publicado em 29 de dezembro de 2023.

Ceará Sem Fome

O Ceará Sem Fome foi lançado em junho de 2023 e é um programa de combate à fome no Estado. A iniciativa atende a população em situação de pobreza ou extrema pobreza através de cartões que são recarregados mensalmente no valor de R$ 300 destinados à compra de alimentos.

O programa também conta com as Cozinhas Ceará Sem Fome. As unidades foram selecionadas mediante edital do Governo Estado e atende pessoas em insegurança alimentar grave, mas que não foram selecionadas para receber o Cartão. Atualmente, há 1.080 cozinhas em funcionamento, distribuídas em 181 municípios cearenses.