Festival junino de Camocim desacreditado: quadrilhas não comparecem ao evento, deixam vácuo e organização com cara de tacho - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




domingo, 30 de julho de 2023

Festival junino de Camocim desacreditado: quadrilhas não comparecem ao evento, deixam vácuo e organização com cara de tacho


O segundo dia do festival junino de Camocim, não poderia ter sido pior!, foi marcado pela não apresentação das quadrilhas. As quatro, previstas, não compareceram na noite de ontem, sábado 29. Desistiram. O público lotou as arquibancadas às 19h e ficou aguardando cerca de três horas quem não ficou de vim.  Os apresentadores do evento, visivelmente constrangidos, tentaram 'enrolar' a plateia o máximo que puderam; chamaram as crianças das arquibancadas para brincarem no tablado e, ridiculamente, anunciaram a apresentação de uma quadrilha infantil improvisada. [vergonha alheia] essa foi a hora das vaias inevitáveis e da dispersão do público das arquibancadas. 


“Festival desorganizado”, “povo incompetente”, “irresponsáveis”, foi o que mais saiu da boca das pessoas após passarem por um longo “enchimento de linguiças”. Sim, teve também a clássica comparação: “por isso Granja ganha de 10 a 0”.  


Os servidores da Secretaria da Cultura, organizadores do festival, ficaram com cara de tacho diante do público e dos jurados. A Secretária, Udernele, sequer deu qualquer explicação pública. A prefeita Betinha não compareceu, Monica e Sérgio Aguiar também não deram o ar da graça e nenhum vereador foi visto no perímetro critico. 


O segundo dia do festival junino de Camocim foi, a exemplo do primeiro, marcado por um show de incompetência. 


Leia também: Ainda sobre o festival junino de Camocim


No primeiro dia apenas uma quadrilha se apresentou.


1- o tablado para a dança das quadrilhas foi montado faltando alguns minutos para se iniciar as apresentações com as arquibancadas já lotadas. Pipocou vídeos e fotos dos flagrantes nas redes sociais. 


Detalhe: uma dançarina se desequilibrou na irregularidade do tablado e foi ao solo.


Outro detalhe: segundo uma fonte da Secretaria da Cultura, a secretária só resolveu contratar o tablado faltando poucas horas para o início da festa.


2 - a iluminação do perímetro do evento também estava apagada, com problemas, so foram acesas faltando alguns minutos para o início do evento.


3 - a de coração junina continua sendo a grande crítica. A Setur/prefeita não investiu. Tome crítica e chacota. 


Voltarei a falar do assunto.


Carlos Jardel