A passagem dos Tahim pelo Brasil - Revista Camocim

Se inscreva nosso canal no YouTube


Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




domingo, 11 de junho de 2023

A passagem dos Tahim pelo Brasil



Pronunciamento de Francisco Ricardo Pinto Neto no velório de Ester Demétrio Tahim Pinto.


A PASSAGEM DOS TAHIM PELO BRASIL


No ano de 1906, fugindo da desavença existente entre árabes, judeus, e palestinos, Demétrio Elias Tahim e outras famílias receberam autorização para deixarem o país. 


Nossos avós, Demétrio e Adelaide, resolveram  fixar residência na América do Sul, tendo como destino final nosso querido Camocim, no Estado do Ceará.


Aqui chegando, juntamente com um parente de nome Banaiot (Benoá), fundaram a Elias Asfora & Cia, com o nome de fantasia Loja Parisiense. Depois abriram uma filial na cidade de Crateús com o nome de Bazar Cratheuense, criando ainda o Bazar da Moda, na rua da Estação em Camocim. Como os negócios não prosperaram, resolveram fixar residência no distrito de Almas, hoje denominado Bitupitá, onde se estabeleceram no ramo de tecidos, como também, segundo a National Geografy, foram os fundadores de currais para captura de peixes no Nordeste. 


Aqui se ramificaram com:

Rosa   Demétrio Tahim,

José   Demétrio Tahim,

João   Demétrio Tahim,

Noeme  Demétrio Tahim,

Carlos Demétrio Tahim,

Maria  Demétrio Tahim,

Helena Demétrio Tahim,

Jamil  Demétrio Tahim,

 Nazaré Demétrio Tahim e

Ester  Demétrio Tahim.


O casal Demétrio e Adelaide ficaram conhecidos pela maneira gentil no tratamento dos seus semelhantes. Destaca-se que a gentileza na forma de lidar com os seus semelhantes foi transmitida e herdada por seus sucessores. 


Dona Ester e o seu esposo Hipólito, como é de conhecimento de nossa cidade, sempre foram acolhedores e, em especial, agregadores.


É lamentável que hoje se encerra a primeira geração dos Tahim em território brasileiro.


Rogo ao grande Arquiteto do Universo que ilumine com luzes da sabedoria para que as novas gerações dos Tahim se mantenham  agregados e coesos.


A você, dona Ester, leve a certeza de que aqui na terra cumpriu a missão com sabedoria e benevolência de mulher, de amiga, de prima, de mãe, de avó, de tia e de sogra.


Mamãe, o tempo não volta. O que volta é a vontade de voltar no tempo.


                              De seu filho, 

                                                    

                                            Francisco.


Ester Demetrio Tahim faleceu nessa quinta feira 08/06/2023, era casada com o comerciante Hipólito Ricardo Pinto (falecido em 1996), na qual tiveram 11 filhos: Adelaide, Jeannette, Francisco Ricardo, Lucineyde, Geovane, Dysnei, Hipólito Júnior, Hélder e em memória Maria, Wilson e José Tahim.