Apoiadores de Bolsonaro tentam invadir sede da PF em Brasília após prisão de cacique - Revista Camocim

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!
Clique na imagem

Contato: (88)9 9937-1998

Contato: (88)9 9937-1998

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







terça-feira, 13 de dezembro de 2022

Apoiadores de Bolsonaro tentam invadir sede da PF em Brasília após prisão de cacique



A sede da Polícia Federal (PF) em Brasília, no Distrito Federal (DF), foi alvo de uma tentativa de invasão na noite desta segunda-feira (12). Apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) que protestam contra a prisão do Cacique Serere, determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), incendiaram ônibus e avançaram contra o prédio onde fica a carceragem. 


O cacique foi preso por indícios de prática de crimes em atos antidemocráticos. A prisão foi pedida pela Procuradoria-Geral da República (PGR). 


O policiamento no local foi reforçado, de acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública do DF. Policiais dispersam os manifestantes com balas de borracha, spray de pimenta e bomba de gás lacrimogênio. 


"Segundo a PGR, Serere Xavante vem se utilizando da sua posição de cacique para arregimentar indígenas e não indígenas para cometer crimes, mediante ameaça de agressão e perseguição do presidente eleito e de ministros do STF", divulgou o Supremo, em nota, nesta noite. 


Ao menos cinco ônibus foram queimados, conforme o Metrópoles. No entanto, as empresas pediram o recolhimento da frota que circulam na área central de Brasília. 


O ministro da Justiça, Anderson Torres, disse em suas redes sociais às 23h10 que a situação estava se normalizando. "Tudo será apurado e esclarecido", afirmou.


QUEM É CACIQUE SERERE?


José Acácio Serere Xavante, conhecido como Cacique Tserere, é  um pastor indígena que estava participando dos protestos antidemocráticos, que questionam o resultado das eleições presidenciais de 2022.


A prisão foi efetuada nesta segunda-feira (12) e deve ter duração de 10 dias. Serere é natural de Poxoreu, no Mato Grosso, sendo filiado ao Patriotas. Conforme o jornal O Globo, ele se candidatou para a prefeitura de Campinápolis, localizado a 658 km de Cuiabá.


Diário do Nordeste