Pílula Antirressaca começa a ser vendida no mundo - Revista Camocim

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







quarta-feira, 6 de julho de 2022

Pílula Antirressaca começa a ser vendida no mundo



A chegada de uma pílula antirressaca ao mercado está dando o que falar no Reino Unido. Chamado Myrkl, o medicamento estava em desenvolvimento há mais de 30 anos e é considerado o “primeiro produto da história a decompor o álcool de forma eficaz”.Só que para funcionar, é preciso que um tablet da droga seja consumido pelo menos duas horas antes da bebedeira. Estudos mostraram que a pílula decompõe até 70% do álcool após 60 minutos. Isso significa que, se alguém beber 50 ml de destilados a 40%, que contém 20 ml de álcool puro, apenas 6 ml do álcool entrarão na corrente sanguínea. Isso é o mesmo que a pessoa que bebe apenas 15ml de destilados.


Do que é feita a pílula?


Os criadores dizem que a pílula é 100% natural e vegana  e é baseada em uma mistura de bactérias de alto desempenho enriquecidas com L-cisteína e  vitamina B12 .


A Myrkl contém as bactérias Bacillus subtilis e Bacillus coagulans – produzidas a partir de farelo de arroz fermentado.


Essas bactérias naturalmente decompõem o álcool em água e dióxido de carbono. Uma cápsula resistente a ácidos protege as bactérias dos ácidos naturais do estômago para que possam chegar ao intestino, onde a maior parte do álcool é absorvida pela corrente sanguínea. Todos os ingredientes são autorizados e reconhecidos como seguros pela Agência Europeia de Segurança Alimentar e pela Food Drug Administration dos EUA. Vale dizer, no entanto, que a pílula não livra totalmente as pessoas da ressaca, pois outros mecanismos também estão envolvidos nesse processo.


A desidratação e o baixo nível de açúcar no sangue causados pelo álcool não podem ser revertidos pela pílula, por exemplo.



Os médicos também dizem que as pessoas ainda terão “alguma alegria” com o álcool, mesmo tomando a pílula.


[via Catraca Livre]