Jovem de 18 anos desaparece e é encontrada com nome do ex-namorado tatuado no rosto - Revista Camocim

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Super promoção "Matrícula Premiada" do Colégio Future.

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Colégio Future com matrículas abertas para 2023

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







segunda-feira, 23 de maio de 2022

Jovem de 18 anos desaparece e é encontrada com nome do ex-namorado tatuado no rosto

Uma jovem de 18 anos desapareceu no último sábado (21), em Taubaté (SP), e foi encontrada com o nome do ex-namorado tatuado no rosto. A mãe da jovem, Deborah Velloso, registrou um boletim de ocorrência contra o rapaz, de 20 anos.


Ele, que não teve a identidade revelada, foi preso preventivamente o por descumprir duas medidas protetivas (de 2021 e de 2022) ao ter contato com a jovem. As informações são do UOL. 


JUSTIÇA MANTÉM PRISÃO PREVENTIVA DO SUSPEITO


Na tarde deste domingo (22), a prisão do suspeito foi mantida em audiência de custódia. O rapaz de 20 anos levado para o CDP de Taubaté.


De acordo com a mãe da jovem, esta foi a terceira tatuagem feita pelo ex-namorado na filha com o seu nome. Ele será investigado, a partir de segunda-feira (23), pela Delegacia da Mulher. 

Conforme relata a mãe, a filha saiu na sexta-feira (20) para ir à escola, mas até 22h não havia retornado para casa. 

Pela manhã, fui até a rua do rapaz e vi minha filha dentro do carro. Voltei para casa e quando cheguei aqui já a encontrei tentando tapar a tatuagem com maquiagem porque tinha de ir trabalhar. Ali eu desabei". 


GAROTA FOI AGREDIDA 

Ainda de acordo com a mãe, o rapaz agrediu a garota por ela resistir à aplicação da tatuagem e está com o olho roxo. Além disso, ele a obrigou a gravar um vídeo autorizando a tatuagem. "Minha filha falou que gravou com medo de algo pior acontecer". 


O relacionamento dos jovens começou em 2019, mas após um ano de namoro ele começou a ter crises de ciúme da menina. "No início de 2020, ocorreu a primeira agressão. Desde então, luto para distanciar os dois", afirma a mãe. 


"Ela está com medo, fala em tirar a própria vida. É um caso grave que está acontecendo. Ele fala que se ela não for dele, não será de mais ninguém. Não tenho conseguido dormir. Eu não quero ter que enterrar minha filha", desabafa.


VAI VIVER SUA VIDA E NOS DEIXA EM PAZ'

A mãe ainda tentou, por mensagens, conversar com o rapaz para que ele aceite o fim do relacionamento. As mensagens foram divulgadas pelo g1 neste domingo (22). 

"Vai viver a sua vida e nos deixa em paz. Eu tenho as crianças, eu tô grávida. A [nome apagado para proteger a identidade da garota] não quer mais". 

Contudo, o jovem não aceita e se recusa a conversar, por áudio ele diz: "para de mandar mensagem pra mim, por favor. Nada do que você falar ou deixar de falar vai mudar o que eu vou fazer, fechou?".


Diário do Nordeste