TCE desaprova contas de Betinha quando gestora da Educação - Revista Camocim



Clique na imagem e conheça os produtos






Para mais mais informações, clique na imagem





segunda-feira, 25 de abril de 2022

TCE desaprova contas de Betinha quando gestora da Educação



O Tribunal de Contas do Ceará-TCE  desaprovou as contas de gestão de Elizabeth Magalhães quando secretaria de educação na gestão Monica Aguiar. 


Monica e Sérgio Aguiar — do  que se sabe — deixam Betinha inelegível por 8 anos. 


Tudo — conforme generosa análise da situação — feito milimetricamente pensado e premeditado para deixar a prefeita laranja ficha-suja e preparar o caminho para volta da atual ouvidora, a prefeita de fato, que já teve suas 8 contas aprovadas pelo TCE, ou sua filha médica.


No acórdão do Tribunal, para se ter ideia, até o tesoureiro da Monica, Cleire Júnior, foi salvo, menos, obviamente, Betinha.


Mais informações a qualquer momento, aqui.


Carlos Jardel