Após segundo acidente com turistas, tirolesas no litoral de Camocim são interditadas - Revista Camocim

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!

Colégio Marujo, 15 anos! Na rota da educação!
Clique na imagem

Contato: (88)9 9937-1998

Contato: (88)9 9937-1998

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos







segunda-feira, 21 de março de 2022

Após segundo acidente com turistas, tirolesas no litoral de Camocim são interditadas



O Secretário do Turismo de Camocim, Ricardo Vasconcelos, informou ao Revista Camocim que todas as tirolesas instaladas nos lagos do litoral camocinense foram interditadas ontem, domingo (20), mediante ação conjunta: município, Bombeiros e Policia Militar. 


A interdição foi motivada após o segundo acidente envolvendo um  turista do Rio de Janeiro, no sábado (19), no Lago da Tatajuba. O cabo se rompeu com o homem durante o uso do equipamento. Ele  foi socorrido, com fortes dores na região do abdômen, por um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas — Ciopaer  e transferido para uma unidade hospitalar da cidade de Sobral. 


O primeiro acidente com turista em um tirolesa, em Camocim, aconteceu em janeiro deste ano, também em Tatajuba. O turista caiu na água e não se machucou.


Os equipamentos só deverão voltar a funcionar, segundo o secretário Ricardo, quando todos os proprietários apresentarem  as documentações exigidas: laudo técnico, licença ambiental, alvará e o aval do Corpo de Bombeiros. 


Carlos Jardel