Falando de Granja, Moses mentiu! E elogiando James Bel: minha nossa senhora!: mentiu generosamente! - Revista Camocim



Clique na imagem e conheça os produtos




Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733

Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733





quarta-feira, 16 de fevereiro de 2022

Falando de Granja, Moses mentiu! E elogiando James Bel: minha nossa senhora!: mentiu generosamente!

Ora, se até uma televisão que o James Bel doou para sorteio na Igreja ele mandou um de seus serviçais armar um barraco, humilhando o padre e alegando a oferta.




O deputado Federal Moses Rodrigues, na Câmara Federal, resolveu mentir descaradamente, quando falou de sua visita relâmpago, de helicóptero, a duas localidades do município de Granja.


Disse que os dois distritos que visitou, acompanhado de seu amigo, o deputado Sérgio Aguiar, tem dificuldades de acesso à saúde e água. 


Ora bolas, toda administração pública precisa melhorar sempre. Isso todos precisam concordar, mas daí o cara mentir para aparecer bem na fita? Isso é algo digno de um picareta!


Vejamos: Granja mantém médico na Ubatuba, Tabuleiro, Timonha, Sambaíba,  Ibuaçu,  Paula Pessoa, Tiaia e Privat. São  02 (dois) médicos na Santa Terezinha e 02 (dois) no Parazinho, e com todas  as unidades Básicas de Saúde  completa com todos os profissionais.


Na sede são 05 postos de saúde e uma UPA 24h — coisa que Viçosa, município que ele diz representar há séculos não tem -. Em Granja são 16 ambulâncias e mais 04 chegando. O Hospital se modernizou com novos equipamentos e duplicou os procedimentos  cirúrgicos. 


Lá em Martinópole, o município está há 09 meses sem hospital, por conta de uma reforma infindável! E para completar: não tem médicos e até remédio vencido estão entregando para os pacientes. 


Ainda não é o modelo perfeito de saúde pública do Ceará, mas é, sem dúvidas, um dos melhores modelos de gestão e a grande referência da região norte.

Para se ter ideia de como é: moradores de Camocim e de Martinópole, muitos, acabam escapando da morte no hospital de Granja, que não é o Polo. 


Em Camocim e em Martinópole, municípios que Sérgio diz representar, diariamente os moradores fazem questão de estampar nas redes sociais os relatos de maus-tratos na saúde. 


O deputado Moses também falou da dificuldade de água nos distritos, mas só esqueceu de informar que o governo Romeu Aldigueri  foi considerado o "pai das águas": quase 500 poços profundos, 03 adutoras — do açude Gangorra para Santa Teresinha e do açude Itaúna para Timonha e Tabuleiro -. Tudo isso sem falar nas quase 03 mil cisternas. 


Lá em Martinópole, por exemplo, onde Moses foi votado —  mas que nada faz pelos moradores de lá —, a taxa de água é R$ 35 reais! E em Granja, advinha? Apenas R$ 14 reais. 


Para variar, graças a Deus, Granja é uma das cidades que quando chove, chove mais do que nas outras dos municípios vizinhos. 


Sobre a Educação, o Moses conseguiu ser pior! Veja bem:


Em 2012, 14 escolas de Granja estavam entre as 150 piores do Estado. Hoje o município tem 80 escolas nota 10. E a melhor nota do Ideb no Brasil, no 9 ano, pertence à Granja, que tem três das 20 melhores do Brasil. 


Sem falar que Granja paga, em dia, o melhor salário de professor da região.


Antes da gestão do prefeito Romeu, Granja vergonhosamente tinha o segundo pior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal — IDHM do Estado. Em 04(quatro) anos o município cresceu 80 (oitenta) posições, foi para a posição 64.


O IDHM é completo, mede a geração de emprego e renda, meio ambiente, esporte, lazer, educação, saúde, cultura e outros. 


Lá em Martinópole, governada pelo Betão do James Bel, nem transporte escolar tem para as crianças da Zona Rural. E o ônibus universitário é uma vergonha cearense! 


Estradas?


Nossa, como deputado é desinformado! A região que ele visitou está ganhando, confirmado pelo governador Camilo Santana, uma rodovia asfáltica, demanda apresentada pelo deputado Romeu. 


Bom, cabe aqui mais uma vez reforçar: é preciso sempre fazer mais! Mas, por exemplo, em Camocim, a Monica Aguiar mandou cavar alguns poços profundos no dia das últimas eleições, apenas para enganar os eleitores. Os moradores das comunidades reclamam que até hoje muitos não funcionam. 


É para se perguntar: o deputado Moses está mesmo preocupado com Granja? 


Mas se o deputado diz que quer ajudar, então que envie verbas, emendas, para Granja. 


Sobre o James Bel, Moses afirmou que tal criatura muito trabalha para o desenvolvimento da região... E aí eu pergunto: em que e como?



Respondo: Mentira deputado! O James Bel foi prefeito de Martinópole e nem o mandato conseguiu concluir, porque fora afastado pela Justiça por suspeita de corrupção na máquina pública. Ele é um dos que engrossa o rol dos ficha sujas do Brasil. 


Ora, se até uma televisão que ele doou para sorteio na Igreja ele mandou um de seus serviçais criar confusão em público, humilhando o padre  e alegando a oferta. 


O James Bel só atrapalhou o mais recente processo eleitoral em Martinópole,  com uma candidatura inelegível. A justiça eleitoral o deteve, mas mesmo assim, por conta dessa desonestidade com pleito, a vida orgânica do município ficou desajustada, com um prefeito interno incompetente. 


Então, deputado federal Moses Rodrigues, trabalhe, ao invés de ficar despejando mentiras no Congresso Federal.


Carlos Jardel