Juiz eleitoral cassa mandatos de vereadores e suplentes de oposição em Granjeiro - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça os produtos

Clique na imagem e faça agora sua pré-inscrição. Vagas limitadas!


Para mais mais informações, clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem
R.General Tibúrcio, vizinho à Academia de Letras, Centro.Telefone: (88) 9 9422 2120.









terça-feira, 11 de janeiro de 2022

Juiz eleitoral cassa mandatos de vereadores e suplentes de oposição em Granjeiro



Todos os vereadores, titulares e suplentes, pertencentes ao partido Republicanos, no município de Granjeiro, tiveram seus mandatos cassados pela Justiça eleitoral. A decisão foi tomada após o juiz entender que foram cometidos crimes de fraude à cota de gênero e abuso de poder, por meio de candidaturas fictícias para a disputa das eleições 2020 na cidade. A decisão é do juiz David Melo Teixeira Sousa.


“O Partido Republicanos, que não tinha candidaturas femininas suficientes e, por isso, nem participaria da eleição proporcional, logrou registrar candidatos, disputar o pleito e receber votos, em tudo enganando a Justiça Eleitoral e os eleitores com as aparentes candidaturas, as candidaturas fictícias [de DAWULA RANIER BRITO VIEIRA e EMANUELLE RODRIGUES DIAS]“, diz um trecho da decisão.


Segundo as apurações do Ministério Público Eleitoral (MPE), as “candidatas” Emanuelle Rodrigues Dias e Dawula Ranier Brito Vieira residem em Juazeiro do Norte, no Ceará. Em depoimento, a “candidata” Emanuelle afirmou que mora na cidade há 15 anos. A outra concorrente ao pleito em Granjeiro disse, em depoimento, que não possuía conhecimento do processo de escolha dos candidatos durante a convenção partidária, chegando a afirmar que “sua escolha para disputar o cargo de vereador foi feita pela população”. Ambas as candidatas, inclusive, não receberam votos.


No documento, o juiz entendeu que “o Partido Republicanos, que não tinha candidaturas femininas suficientes e, por isso, nem participaria da eleição proporcional“. Desta forma, os votos para os vereadores e suplentes do partido foram anulados e a cassação dos diplomas expedidos.


  • DAWULA RANIER BRITO VIEIRA (Candidata fictícia);
  • EMANUELLE RODRIGUES DIAS (Candidata fictícia);
  • MARIA DA GLORIA MARTINS (Suplente);
  • JOAO EUDES DE SOUSA (Suplente);
  • RONALDO MATHEUS FEITOZA MARQUES (Suplente);
  • DANUBIO MARQUES DA SILVA (Suplente)
  • JOSE MARQUES GRANGEIRO (Suplente)
  • VALDEMAR LUIZ DE AQUINO (Vereador)
  • LEONARDO ALEXANDRE MARQUES DE FREITAS (Vereador)
  • CICERO CASSIANO DE SOUSA (Vereador)
  • JOSE ANDREILTON CALIXTO BRITO (Suplente)
  • RENAGILA VIANA DOS REIS (Vereadora)
  • LUIZ ALBERTO FERREIRA MARQUES (Suplente)


Ceará News 7