Desserviço público: Bispo de Sobral chama passaporte da vacina de “absurdo e inconveniente” - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça os cursos preparatórios e apoio educacional


Clique na imagem e conheça os produtos




Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733

Barraca Mergulhe: Contato/WhatsApp: (88) 9 9260 4733





quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Desserviço público: Bispo de Sobral chama passaporte da vacina de “absurdo e inconveniente”



A alfinetada é no bispo da diocese de Sobral, o dom Vasconcelos, que resolveu alimentar os negacionistas da Covid-19, com declarações irresponsáveis contra o decreto municipal do prefeito Ivo Gomes, que exige o passaporte da vacina, ao qual ele classificou  como “absurdo e inconveniente”


Publicou uma nota evasiva para se defender de um boato que circulou em Sobral, dando conta de que ele teria proibido os fieis de assistirem missas sem apresentarem o passaporte sanitário. Disse, na ocasião em que disparou contra a medida sanitária:  “não proibiu os fieis a participarem das atividades sem que apresentassem o passaporte de vacinação”


Puro e explicito negaciosismo! Combustível para os malucos de plantão, que vivem dias e noites rezando para a ciência falhar e o povo se estrepar na Covid-19. 


Além de tudo isso, de forma autoritária, manipulando vergonhosamente a Bíblia, e mentindo, o Bispo repreendeu os fieis em outra nota, afirmando que  “ovelhas devem apenas dizer AMÉM para o pastor” e que Jesus disse que "as ovelhas devem ouvir o pastor e não o contrário".



Clique no áudio e ouça. 






Notas do Bispo