Betão do James Bel manda suspender obra de abastecimento de água em comunidade que não votou nele. - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça os produtos

Clique na imagem e faça agora sua pré-inscrição. Vagas limitadas!


Para mais mais informações, clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem
R.General Tibúrcio, vizinho à Academia de Letras, Centro.Telefone: (88) 9 9422 2120.









sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

Betão do James Bel manda suspender obra de abastecimento de água em comunidade que não votou nele.



Na comunidade Alto Alegre, no município de Martinópole, a prefeitura resolveu ir à contramão da lógica e do que se espera de uma gestão responsável e, dado as circunstâncias,  fez o que ninguém esperava na obra de abastecimento de água da localidade: retirou toda a encanação a ser utilizada para concluir o serviço. 

Pasmem: retirou os canos com 80% da obra já executada no subsolo! 


A informação foi repassada pelo Advogado Joe Aguiar, que visitou a comunidade e constatou in loco a “loucura” da prefeitura comandada pelo prefeito Betão do James Bel.  


“Se 80% já está instalada no subsolo, por que não concluíram os  20% que está faltando?” Questionou o advogado e agente da política local.



No embalo do questionamento, a pergunta que não quer calar: onde o prefeito Betão mandou socar  os canos? 


Na comunidade, moradores afirmam que a não conclusão do serviço nada mais é que “vingança politica”, pois em Alto Alegra, o grupo politico de James Bel recebeu pouquíssimos votos nas últimas eleições. Ou seja, Betão e James Bel estariam penalizando politicamente as famílias da localidade. 


Alfinetada


Apesar de aparentar burrice administrativa, esse episódio tem jeito, cor e cheiro de politicagem barata! Bem a cara do grupo Bel.


Carlos Jardel