Parabéns! Evamar vai cumprir os decretos sanitários contra a Covid-19 no "Eva Show" - Revista Camocim













quinta-feira, 18 de novembro de 2021

Parabéns! Evamar vai cumprir os decretos sanitários contra a Covid-19 no "Eva Show"


No que diz respeito os episódios passados, de "pertubação do sossego alheio", critiquei o Evamar, quando ele funcionava como "Fortim do Evan". E critiquei porque considerei certo a ação policial que atendeu as ocorrências todas as vezes que foi solicitada por quem estava se sentindo prejudicado pelo comportamento do estabelecimento. Ele, certamente, não deve ter gostado da critica, pois quase ninguém gosta. Também não fiz pensando em agradá-lo ou desagradá-lo, fiz por ossos do oficio e por considerar o direito de opinar numa questão pública, tendo como pano de fundo as leis vigentes. 


Bom, mas hoje escrevo para elogiar a atitude do jovem empresário que, conforme noticiou o André Martins, no Camocim Portal de Noticias, irá restringir em seu estabelecimento, bar e restaurante Eva Show [agora no Lago Seco] o uso de cigarros eletrônicos e também "passará a exigir dos clientes a apresentação do passaporte de vacinas ou o cartão de vacinação que comprove se o esquema vacinal da covid-19 está em dias".


Ainda segundo André, o empresário  afirmou que irá cumprir o que determina os decretos - estadual e municipal -   porque a norma precisa ser respeitada por todos. Além disso ele também irá restringir a entrada de pessoas menores de idade "que só poderá acontecer acompanhado dos pais ou responsáveis".


Neste quesito o Evamar parte na frente em Camocim e região, oferecendo o bom exemplo para os demais empreendedores do ramo, que deveriam também fazer o mesmo:  informar e exigir de seus respectivos clientes os comprovantes de vacinação conforme a determinação dos decretos sanitários que tem força de Lei. 


O elogio ao jovem empresário  não é pelo óbvio, afinal de contas, querendo ou não, todos precisam cumprir os decretos sob pena de punições, porque não é algo optativo. É para se cumprir e ponto final! O elogio é pelo fato do dono de uma dos pontos mais badalados da cidade e da região  não colocar dificuldades e divulgar seu posicionamento sobre os decretos de forma responsável e exemplar, diante de um cenário construindo por negacionistas e  irresponsáveis. 


Fazer o que ordenam os decretos não pode ser considerado apenas o mero  cumprimento de uma medida pública, mas sim um grandioso ato de cuidado com a saúde pública e de respeito pela vida humana.  Muitas vidas foram ceifadas pelo vírus maldito. E ignorar seu potencial de morte numa terceira onda, além de ser burrice, é mal caratismo! 


Ressalto: o empresário Evamar está correto com  a atitude exemplar, que precisa ser seguida pelo público e pelos demais empresários. 


Carlos Jardel 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.