Adolescente de 13 anos desaparecida no DF é encontrada na cidade de Massapê-CE com homem de 37 anos - Revista Camocim













quinta-feira, 11 de novembro de 2021

Adolescente de 13 anos desaparecida no DF é encontrada na cidade de Massapê-CE com homem de 37 anos



Uma adolescente de 13 anos foi encontrada no Ceará, na manhã desta quinta-feira (11), após sumiço no Distrito Federal. Ela estava em Massapê, na região Norte do Estado.


A garota desapareceu na última sexta (5), na região de Samambaia Sul (DF). Conforme as investigações, ela desembarcou no Aeroporto de Fortaleza no sábado (6), um dia após sair de casa, sendo recebida por um homem de 37 anos com quem mantinha contato pelas redes sociais.


As apurações descobriram ainda que o indivíduo chegou a viajar para o DF, onde, utilizando um nome falso, conheceu familiares da jovem.


Após trabalho conjunto entre a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) e as Delegacias Regional de Sobral e de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca), os agentes conseguiram refazer o trajeto da jovem e localizá-la no município cearense, junto ao suspeito.


Durante a abordagem, os dois demonstraram surpresa com a descoberta do paradeiro e foram conduzidos à Delegacia de Sobral, onde foram ouvidos.


A jovem passará por exames periciais e será encaminhada a Fortaleza, devendo ser ouvida na sede da Dceca e enviada de volta aos pais. O homem, por sua vez, foi detido.


SUMIÇO


De acordo com o jornal Correio Braziliense, a garota saiu de casa às 6h com o pretexto de ter uma excursão na escola. À tarde, ela chegou a trocar mensagens com a mãe pelo WhatsApp, dizendo estar tudo bem.


Após as 18h, a mãe estranhou a demora da filha e ligou mais de 30 vezes para a menina. Meia hora depois, recebeu uma mensagem de texto do celular da jovem com a mensagem "Estou na sala de aula", o que a deixou desconfiada.


“Eu estranhei muito, porque ela não era de mandar torpedo. Nunca mandou. E do nada recebo essa mensagem”. 


A mãe, então, foi à instituição de ensino e descobriu que a menina não foi vista na escola na data, além da inexistência de passeio na programação.


Ao portal Metrópoles, um tio da adolescente afirmou que a família dera falta de vestes como biquíni e blusa. Ela saiu de casa trajando vestido laranja, jaqueta preta, tênis preto e uma mochila.


Na opinião do tio, o caso serve de alerta para que famílias dediquem atenção aos filhos sempre. “Às vezes, não demonstram nada, mas pode estar acontecendo alguma coisa”, considerou.


Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.