Sérgio Aguiar e "cambada" são expulsos de Igreja Evangélica de Camocim antes mesmo de colocarem os pés no templo - Revista Camocim















segunda-feira, 6 de setembro de 2021

Sérgio Aguiar e "cambada" são expulsos de Igreja Evangélica de Camocim antes mesmo de colocarem os pés no templo





Entenda 


No dia 4 de setembro houve uma cerimônia de posse de um novo pastor da Igreja Assembleia de Deus Bela Vista de Camocim, na ocasião iam se fazer presentes o deputado Sérgio Aguiar e a prefeita Betinha, juntamente com sua cúpula.  A iniciativa de convidá-los se deu apenas por uma pequena minoria dos que representam o Templo sem que o restante tenha sido consultado para saber se aceitariam ou não a presença deles, o que fez uma boa parte dos membros do mesmo templo ficarem chateados, causando conversas entre si. 


Bom, como se sabe, nesta Igreja os Aguiar perderam bastante apoio e com isso algumas pessoas mandaram mensagem pedindo para que eles não comparecessem, pois não seriam bem-vindos! Isso mesmo: expulsaram eles antes mesmo de eles chegarem! 


As mensagens foram enviadas para o celular da Monalisa, pois de última hora não foi possível o contato pessoal com a prefeita ou o deputado, mas o recado foi passado pra eles.




Depois da mensagem, o deputado não se fez presente, disse que não poderia participar e a prefeita Betinha, como já havia se comprometido, acabou comparecendo.


Bom, mas na Igreja as pessoas são educadas, sendo assim, e que bom, não houve atos de repulsa à presença dela [prefeita] e nem mandaram ela voltar. Porém, na hora da apresentação, em que toda a Igreja bate palmas para os visitantes, como gesto de boas vindas, foi visível e impossível não notar que apenas uma parte dos membros a saudaram com as palmas,  - e aqui tenho que explicar também: boa parte dos que se faziam presente  no culto não eram da cidade de Camocim e, por tanto, não a conheciam, pois nestas cerimônias aparecem muitos 'irmãos' de outras cidades, o que justifica as palmas pelos os desconhecidos.


Todo o episódio foi gravado. Muitas pessoas  não se moveram. Está nos vídeos. Fizeram pouco caso da presença da chefe do poder executivo municipal. Ficou evidente a insatisfação de mais da metade da Igreja. 


O pior é que ainda postaram nas redes sociais da prefeitura como se não tivessem passado nenhuma vergonha, como se tivesse sido um sucesso. 


Neste mesmo Templo, vale ressaltar,  essa cerimônia de “posse” é recorrente, pois de tempo em tempo os pastores são trocados e este é o quinto pastor que vem desde a fundação na cidade de Camocim. E somente nesta cerimônia teve a presença de figuras políticas da cidade.


Consultando a informação, recebi de um dos membros da Igreja, o seguinte relato.


"O  fato é que depois que a secretária de educação ganhou o cargo sendo ela membro desta     Igreja tudo agora que se faz por lá tem resquícios de politicagem no meio pros Aguiar e assim eles querem a todo custo infiltrar-se lá dentro com a intenção de conquistar votos, foi desnecessária a figura de políticos não membros da igreja somente com o intuito de promoverem politicagem em um evento tão íntimo da igreja. 


O que todos concordam é que ninguém tem nada contra a pessoa da prefeita Betinha, até porque todos sabem que ela é apenas uma “laranja” dos Aguiar, e quem rege verdadeiramente a cidade de Camocim é a “prefeita” Monica Aguiar juntamente com seu marido, portanto ela será bem-vinda se frequentar o templo e ouvir a palavra sem mais intenções políticas e sem direito a fala (pois ontem desnecessariamente neste evento ela teve um breve tempo de fala, e ainda bem que o deputado não se fez presente, senão não seria uma cerimônia religiosa mas sim um verdadeiro comício dentro da igreja), ela será bem vida como qualquer outro visitante, apenas como ouvinte". 


Carlos Jardel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.