Em Camocim, indivíduo tenta lesionar PM com tora de madeira e é alvejado com tiro na vila do Maceió - Revista Camocim















segunda-feira, 13 de setembro de 2021

Em Camocim, indivíduo tenta lesionar PM com tora de madeira e é alvejado com tiro na vila do Maceió

 



Um indivíduo foi alvejado a bala durante a tarde de sábado, 11, ao tentar lesionar um policial militar na Vila do Maceió, município de Camocim.  


De acordo com o que apurou o Camocim Polícia 24h, era por volta das 16h15 quando os pm’s do BPTur da Praia do Maceió foram acionados para controlar uma briga entre dois andarilhos identificados como Luiz e Iuri Tapajós, 41 anos, esse último natural de Fortaleza. Chegando ao local foi constatado que realmente a briga estava ocorrendo e que teria sido motivada por um suposto furto.


De acordo com Iuri, Luiz teria tentado furtar seus pertences e por esse motivo entraram em luta corporal. Após os relatos de populares confirmando o fato, os pm’s detiveram Luiz sob acusação de furto, no entanto, quando os pm’s iriam conduzir os envolvidos a DPC de Camocim, o indivíduo Iuri, até então a suposta vítima do furto, pegou uma tora de madeira e foi em direção ao Luiz e a um dos policiais, provavelmente com intenção de atacar o andarilho algemado ou o próprio policial. Nesse momento um dos pm’s deu ordem para que o mesmo soltasse a tora de madeira e se entregasse, porém o mesmo não obedeceu a ordem e foi pra cima do policial. Novamente o militar mandou que Luiz soltasse a madeira, mas o suspeito teria invertido contra ele, sendo necessário que o policial recuasse e efetuasse um tiro de advertência. Mesmo assim o suspeito continuou a invertida com a intenção de lesionar o policial e possivelmente tomar sua arma, momento em que, para cessar a ação injusta do meliante, o militar efetuou um tiro certeiro em um dos pés do suspeito e só assim a situação foi controlada.  


Com a situação controlada, os pm’s conduziram os dois indivíduos para a sede de Camocim, sendo que Luiz (suspeito do furto) foi levado para a DPC onde foi confeccionado um B.O. e liberado em seguida por falta de materialidade no crime. Já Iuri foi socorrido até a UPA, onde foi estabilizado e transferido para o HDMA onde os pm’s ficaram em sua escolta até ser liberado. O indivíduo foi conduzido para a DPC de Camocim onde contra ele foi lavrado TCO com base ao artigo 329 do CPB (resistência à prisão).


Camocim Policia 24h

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.