Perturbação do sossego alheio é derrotada pelo cansaço. Evamar desiste de apresentações musicais ao vivo no Fortim do Evan - Revista Camocim















quinta-feira, 12 de agosto de 2021

Perturbação do sossego alheio é derrotada pelo cansaço. Evamar desiste de apresentações musicais ao vivo no Fortim do Evan



Conforme noticiou o blog Camocim Portal de Noticias, do radialista André Martins, o empresário Evamar Silva, proprietário dos restaurantes do Fortim do Eva, anunciou na noite de ontem,  quarta-feira, 11, o fim das apresentações musicais ao vivo no estabelecimento de Camocim.


Motivo: o som  perturba o sossego da vizinhança e por conta disso várias denuncias foram feitas na Policia  e vários TCO's foram lavrados contra o proprietário do estabelecimento. 


Conforme a matéria do Camocim Portal de Noticias, Evamar disse que estava de saco cheio de encerrar os eventos por ordem policial e ser conduzido até a delegacia. 


 “Quem quiser frequentar o restaurante será por conta da nossa comida e bebida".


 Ele disse ainda que tem contra ele "uns doze Termos Circunstanciados de Ocorrências -TCOs  e que  "não é bandido. Mas sim um "trabalhador que gera emprego na cidade.” 


Algumas considerações:


A perturbação do sossego alheio perdeu pelo cansaço. 


Ninguém tem o direito de se divertir perturbando o sono das pessoas, que precisam trabalhar no dia seguinte.


Ninguém tem o direito de ganhar dinheiro perturbando o sossego das pessoas. 


Imagine você em casa, querendo dormir sem conseguir!?


Imagine você na sua casa querendo assistir TV sem conseguir!? 


Imagine uma noite mal dormida!? 


Os idiotas dizem: se for assim tem que proibir o carnaval! já  eu digo: proibir o carnaval seria ótimo, mas é uma excepcionalidade anual. No entanto, o correto seria ter em Camocim um novo espaço para grandes eventos públicos. 


Mas, voltando ao caso do Fortim do Evan, o proprietário do estabelecimento - apesar de  pousar de vitima, de perseguido, sem ser - optou, mesmo sem querer, por fazer a coisa certa: acabar com as apresentações musicais ao vivo e assim deixar de pertubar o sono dos vizinhos. 


Carlos Jardel 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.