Coreaú - MP pede cassação da chapa eleita Édezio e Érika e do vereador Chico Antônio - Revista Camocim

quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Coreaú - MP pede cassação da chapa eleita Édezio e Érika e do vereador Chico Antônio


O Ministério Público impetrou uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral pedindo a cassação do registro de candidatura  do prefeito eleito de Coreaú José Edézio Monte Coelho Cristino e de sua vice Érika frota Monte Coelho Cristino. Além da chapa majoritária o MP também pediu a cassação da  do vereador Eleito Francisco Antônio de Meneses Cristino esposa da vice eleita. Os três estão sendo acusados por terem cometidos abuso do poder econômico e corrupção eleitoral durante o pleito. Confira a decisão AQUI

No dia 14 de novembro, véspera da eleição, por volta das 23h, um cabo eleitoral do candidato a prefeito e do vereador foi pego pela policia dirigindo um veiculo com santinhos do candidato e com dinheiro no valor de R$ 4.650,000, escondido no porta luva do carro e abaixo do banco do motorista. Além disso uma lita com nomes de supostos eleitores que iriam receber os valores em troca de votos.


Carlos Jardel

Nenhum comentário:

Postar um comentário