JÁ ESTÁ ROLANDO A HISTÓRIA DO "TRABALHAR POR AMOR" - Revista Camocim

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas

Clique na imagem e conheça nossos produtos e ofertas


Clique na imagem e fale com a gente

Em Camocim, hospede-se nos hotéis Ilha Park e Ilha Praia Hotel. Clique na imagem e faça sua reserva




terça-feira, 4 de novembro de 2014

JÁ ESTÁ ROLANDO A HISTÓRIA DO "TRABALHAR POR AMOR"


A pessoa, sem mais nem menos, é despedida "com uma mão na frente e a outra atrás",  sem direito a nada - no popular, é o que se chama de  "pega o beco"-  isso depois de ter sido usada e explorada numa labuta humilhante, sofrendo constrangimento e humilhações diversas, e tudo isso apenas para garantir o salário de quem já é rico, muito rico. Então, na hora de ser despedida, lhe vem a  seguinte proposta: "trabalhe estes dois meses por amor para garantir o seu emprego".

Quer dizer, você vai ficar dois meses sem receber um centavo, com as contas atrasadas e correndo juros, a "galera" lhe cobrando, e ainda, de quebra, você servindo de 'chacota'. Mas o seu o seu chefe, tudo o que tem a lhe dizer é: TRABALHE POR AMOR! 

Pois bem, o seu patrão e a sua patroa são ricos, os filhos estudam nas melhores escolas, comem os melhores pratos, frequentam os melhores ambientes, vestem roupas caríssimas, dirigem carrões, em fim...Obviamente eles não sabem como uma pessoa pobre faz para tentar sobreviver, caso contrário, já mais fariam esta "imunda" proposta.

Reflita:  será que os peixes grandes, os que faturam alto, trabalham por amor? 

Não pague para ser humilhado.

Carlos Jardel