Morre jornalista Fernando Ribeiro, aos 56 anos, por complicações da Covid-19 - Revista Camocim

Polo Camocim: Santos Dumont, 220,Centro - Contato: (88) 9 9312 4283

Polo Camocim: Santos Dumont, 220,Centro - Contato: (88) 9 9312 4283

sábado, 10 de abril de 2021

Morre jornalista Fernando Ribeiro, aos 56 anos, por complicações da Covid-19



O jornalista Fernando Ribeiro, 56, conhecido pela atuação no jornalismo policial, faleceu na tarde deste sábado (10). O profissional da comunicação lutou por várias semanas contra os sintomas da Covid-19.


O comunicador foi editor do caderno de Polícia do Diário do Nordeste, além de comentarista de segurança pública no Bom Dia Ceará, na TV Verdes Mares.


Conforme relato de amigos, Fernando Ribeiro passou por 40 dias de internação no Hospital São José, em Fortaleza e precisou de oxigênio.


Os amigos contam que Fernando chegou a ficar estável, sem reincidência de intercorrências, sem necessidade de hemodiálise e pulmão em plena recuperação. Porém, na última semana, o comunicador sofreu um quadro de infecção generalizada, o que agravou o estado de saúde. 


TRAJETÓRIA 


Fernando Ribeiro iniciou o curso de jornalismo na Universidade Federal do Ceará (UFC) em 1983. De forma independente, o comunicador atualizou o "Blog do Fernando Ribeiro" até fevereiro deste ano. Ele também participava de programas de rádios em Fortaleza.


O comunicador era filiado ao Sindicato dos Jornalistas do Ceará (Sindjorce) desde 1988. Fernando era editor do CN7 e apresentava o programa Plantão Plus, na Rede Plus. 


Diário do Nordeste


Em tempo: 


Com a morte de Fernando Ribeiro, sobe para 39 o número de radialistas levados pela Covid19 no Ceará.


01 - Aderbal Soares (Fortaleza)

02 - Alexandre Rangel (Fortaleza)

03 - Alfredão, Raimundo (Sobral)

04 - Carlos Alberto Moreira (Canindé)

05 - Carlos Dutra (Fortaleza)

06 - Chico dos Santos (Sobral)

07 - Cid Ferreira Sombra (Russas)

08 - Cristiano Alcântara (Maracanaú)

09 - Evilásio Pires (Fortaleza)

10 - Fernando Ribeiro - Fortaleza

11 - Flávio Moreira (Fortaleza)

12 - Francisco Inácio de Brito (Mucambo)

13 - Inácio de Brito (Sobral)

14 - Iraguassu Teixeira (Fortaleza)

15 - Irineu de Freitas (Canindé)

16 - Jéssica Moreno (Iguatu)

17 - Jonas Melo (Fortaleza)

18 - José Carlos Alves (Quixadá)

19 - Juarez Serpa (Fortaleza)

20 - Júlio Lopes (Acaraú)

21 - Kleber Morais (Santa Quitéria)

22 - Lua de Mel (Santana do Cariri)

23 - Marcos Dublê (Fortaleza)

24 - Moacir Luiz Dreyer (Fortaleza)

25 - Nacélio Cavalcante (Icó)

26 - Nicolau Fernandes (Acaraú)

27 - Normando Sóracles (Juazeiro)

28 - Olivan Santos (Camocim)

29 - Osias Maciel (São Luís do Curu)

30 - Osvaldo Avelino (Sobral)

31 - Pedro Hallan (Fortaleza)

32 - Pedro Rocha Neto, Rochinha (Itapipoca)

33 - Queiroz Ribeiro (Caucaia)

34 - Rai Soares (Cascavel)

35 - Renato Freire Caitano (Canindé)

36 - Ricardo Cavalcante (Aquiraz)

37 - Sandro Guimarães (Aracati)

38 - Will Nogueira (Fortaleza)

39 - William Oliveira (Fortaleza)


Informações atualuzadas pelo Sindicato dos Radialistas e Publicitários do Estado do Ceará (Sindradioce)


Via Autran Santos 

Nenhum comentário: