TCE encontra irregularidades na gestão de Monica Aguiar quando presidiu o Consórcio de saúde da microrregião de Camocim. - Revista Camocim

Postagem em destaque

Online Telecom promove Campanha Solidária para ajudar famílias carentes de Camocim

 Faça a sua doação e participe dessa corrente do Bem!  A Online Telecom lançou uma Ação Solidária para arrecadar alimentos que serão doados ...

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

TCE encontra irregularidades na gestão de Monica Aguiar quando presidiu o Consórcio de saúde da microrregião de Camocim.


A gestão objeto de denúncias e que foram encontradas irregularidades no Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Camocim foram nas duas gestões de Monica Aguiar . Ela, e sua prima Elizabete,  foram notificadas pra responder aos auditores do Tribunal. O relatório de irregularidades passa de 100 páginas.


O Jornal O POVO também publicou uma matéria sobre as irregularidades no Consórcio na gestão da prefeita Monica. 


Entenda 

O pedido de Auditoria do Consórcio foi feito pelo deputado estadual Sérgio Aguiar, que solicitou a investigação apenas dos dois últimos anos: 2017 e 2018, período que não contemplava a gestão de sua esposa, a prefeita Monica. Porém, a pedido do deputado Romeu Aldigueri, que concordou de início com a auditoria,  o TCE estendeu as investigações ao período no qual o consórcio foi comandado por Monica.

Auditória não contempla a gestão da prefeita de Granja, Amanda Aldigueri, que só assumiu a presidência do Consórcio no ano passado , 2019.

Carlos Jardel





Nenhum comentário: