segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Gato testa positivo para Covid-19 na Espanha, mas não há confirmação de transmissão para humanos

Um gatinho catalão chamado Negrito testou positivo para Covid-19 após o tutor morrer pela mesma doença e outros familiares apresentarem sintomas leves a moderados do novo coronavírus. Assim como a família, Negrito também estava doente e foi encaminhado a um hospital veterinário na cidade de Catalunha, Espanha, onde precisou se eutanásia por causa de outra enfermidade. 

A história deixou pesquisadores curiosos para entender se Negrito morreu em decorrência do novo coronavírus e se ele poderia ter transmitido para os tutores. Com autorização da família, o Centro de Pesquisa em Saúde Animal de Barcelona (Irta-Cresa) realizou diversos exames no gatinho já falecido e concluíram que ele não morreu pela Covid-19, apesar de ter testado positivo para o vírus e desenvolvido anticorpos neutralizantes e não-neutralizantes a ele.

Na verdade, Negrito - de apenas quatro anos de idade - morreu por uma doença chamada cardiomiopatia hipertrófica, caracterizada por um inchaço no coração que compromete os movimentos do órgão. De acordo com o autor principal do estudo, Joaquim Segalés, o achado de Sars-Cov-2, vírus da Covid-19, no focinho e vias aéreas de Negrito foi apenas incidental, ou seja, não parece ter influenciado na causa da morte.

Informações do Jornal O Povo.

Nenhum comentário: