sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Jijoca - Prefeitura não agenda exames e leva pacientes para serem constrangidos em Fortaleza.

"Como se Fortaleza fosse a outra esquina de Jeri. Um verdadeiro descaso"

A prefeitura de Jijoca, comandada pelo prefeito Lindbergh Perseguidor Martins, enganou  dois moradores da Vila de Jericoacoara ao envia-los, através do Programa Mais Cidadão, para realizar exames de saúde em Fortaleza.  Os exames deveriam ter sido agendados pelo Município. Só que não foi.  Ao chegarem lá,  na Capital, na clinica, os dois pacientes, depois de terem sofrido por horas o desconforto da viagem durante a madrugada,  tiveram ainda que passar por um baita constrangimento  ao serem informados que a prefeitura NÃO AGENDOU os referidos exames! 

"Chegando lá, o exame não estava marcado. Voltamos sem realizar o procedimento", relatou ao blog, a paciente Lú Moraes, que considerou o caso como "um verdeiro descaso". Escute o áudio acima.

Alfinetada

Esse não é o primeiro relato dos desastres provocados contra os jijoquenses através da gestão da saúde pública municipal. As denúncias vão de diagnósticos errados em pacientes até a falta de papel para a realização de eletrocardiograma. Isso sem falar na fata de medicamentos. E o pior de tudo: a prefeitura, e seu gestor maior, destemperado e perseguidor, silenciam sepulcralmente como se fosse a coisa mais normal do mundo fazer e ver o povo sofrer. E pior: Ele fica enfurecido quando alguém reclama,  como se estivesse sendo ofendido ou injustiçado. Irresponsável! 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: