quinta-feira, 18 de junho de 2020

Nota de Esclarecimento afirma que hospital de Camocim nunca recebeu pacientes de Covid-19 de Barroquinha

A prefeitura de Barroquinha emitiu Nota de Esclarecimento provando que até hoje, depois de 90 dias de pandemia, nenhum paciente de Covid-19 do município fora cadastrado e transferido para o Hospital Deputado Murilo Aguiar de Camocim.  Os 15 pacientes que necessitaram de transferência, segundo a nota, foram atendidos no Hospital Regional de Sobral, Hospital Leonardo da Vinci e Hospital de Messejana em Fortaleza.

O Hospital Deputado Murilo Aguiar, na realidade, não recebia pacientes de Cvid-19, e  só passou a receber  após muita pressão. Mesmo assim, os leitos abertos não disponibilizam aparelhos adequados e não tem nenhuma UTI para atender casos mais complexos, levando os municípios a preferirem a regulação de seus pacientes para hospitais de referência  de maior complexidade. 

O Fato vergonhoso, considerando que hospital recebe mais de R$1 milhão de reais do Estado e do Governo Federal para funcionar como polo de atendimento da microrregião e , na prática, não funciona.




Carlos Jardel

Nenhum comentário: