sábado, 23 de maio de 2020

Pacientes de Covid-19 são jogados ao relento da irresponsabilidade da secretaria da saúde de Camocim

Tem chegado a este blog através de familiares, amigos e das próprias pessoas que testaram positivo para Covid-19  relatos de que foram  abandonados ao relento da má gestão da Secretaria Municipal da Saúde de Camocim.  

O relato é sempre o mesmo: a pessoa informa que está com sintomas do coronavírus, uma profissional do município vai até a residência do caso suspeito, leva uma papelada, agenda a data do teste, na data marcada retorna pra colher o exame  e depois de alguns dias a secretaria manda um tipo de office boy na casa do paciente entregar o resultado do exame... E pronto! Como se diz na gíria popular: morreu Maria Preá! 

Se o resultado for negativo, ótimo! Mas se o resultado for positivo, então o paciente e seus familiares começam a viver um dos piores dramas de suas vidas. Pois a única orientação dada pelo office boy é: "se piorar procure a UPA". 

Nada de receitas de medicamentos e nem mesmo a minima orientação. E se a pessoa morar na região central do município, que é descoberta de agentes comunitários de saúde, pior ainda! 

Em outras palavras, isso se chama: "irresponsabilidade assassina", porque mata pessoas. 

De quem é a culpa? primeiro da senhora prefeita Monica Aguiar e depois do Secretário da Saúde Fernando Fernandes. 

Que Deus nos proteja! 

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: