terça-feira, 19 de maio de 2020

Granja - Prefeitura inicia construção de casas para famílias das áreas de risco de enchentes

A Prefeitura Municipal de Granja iniciou a construção das casas populares previstas no Projeto municipal “Moradia Segura”, dedicado às famílias em situação de vulnerabilidade e risco social, passíveis de serem atingidas por alagamentos quando da ocorrência de enchentes.

O projeto é o primeiro realizado na história do município com aplicação, exclusiva, de recursos próprios municipais na ordem de R$ 1.215.061,66 (um milhão, duzentos e quinze mil, sessenta e um reais e sessenta e seis centavos), por decisão da Prefeita Amanda Aldigueri, que cancelou o carnaval para aplicar os recursos na implementação do “Moradia Segura”, beneficiando diretamente 52 famílias moradoras dos bairros historicamente afetados pelas cheias do Rio Coreaú e seus afluentes, sendo: Bairro São Francisco, São Pedro, NS de Fátima e Oiteiro.

Todas as famílias beneficiárias estão devidamente identificadas e cadastradas pela Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social e pela Defesa Civil, considerando critérios socioeconômicos e de extrema pobreza, além de pareceres técnicos que tratam das áreas de risco.

As casas estão sendo construídas em área segura, com sala, cozinha, banheiro e quarto, em lote espaçoso que permite no futuro que cada morador possa ampliar sua casa e ter um pequeno jardim e um quintal. Todo o conjunto habitacional será entregue com infraestrutura de água encanada, energia elétrica e coleta pública de lixo.

No momento da entrega será celebrado termo de compromisso que aponta a demolição do imóvel anterior, bem como responsabilidades no zelo pelo patrimônio, não podendo vender, trocar, doar ou alugar por cinco anos.

O projeto irá propiciar a dezenas de famílias moradia de qualidade que lhes garanta a dignidade da pessoa humana, resolvendo em definitivo o problema de famílias desalojadas em épocas de enchente do Rio Coreau, por morarem em áreas de risco.

Ressalta-se ainda que em 2020 não houve alagamentos na cidade de Granja que gerassem desabrigados, embora o volume de chuvas tenham sido equivalentes ao índices pluviométricos de 2019. Isso se deu em função do extensivo trabalho de prevenção realizado pela Secretaria de Infraestrutura do Município, ao longo de 2019. Córregos e canais foram desobstruídos e as reformas necessárias foram feitas, contemplando o aprofundamento e alargamento de alguns, o que possibilitou o fluxo regular das águas sem transbordar.

Além disso, a Prefeita Amanda Aldigueri conseguiu a aprovação do Governo do Estado, para a construção da continuação do “Dique de Contenção” ao longo das margens do Rio Coreau no perímetro em que ele atravessa a cidade de Granja, tendo o Governador Camilo Santana já aberto o MAPP, para consequente fase licitatória pelo Estado dessa importantíssima obra que irá em definitivo tirar Granja do rol de cidades vulneráveis a enchentes.

Informações Prefeitura de Granja.

Nenhum comentário: