sexta-feira, 29 de maio de 2020

Covid-19 - Camocim entre as cidades da Região Norte do Ceará que terá medidas mais restritivas, diz Secretário da Saúde do Estado

Ainda que Fortaleza concentre o maior número de casos e óbitos de Covid-19, a secretaria da Saúde do Ceará já observa uma tendência de migração da enfermidade para o interior do estado. A análise foi destacada pelo secretário da Saúde, Carlos Roberto Martins, o Dr. Cabeto, em entrevista nesta sexta--feira (29). Segundo ele, a região Norte do estado é um ponto de atenção e dever ser alvo de medidas mais restritivas na renovação do atual decreto de isolamento.

"Fizemos o mapeamento da incidência do número de casos por 100 mil habitantes e da mortalidade por coronavírus, que é muito importante. Essas cidades estão a maioria agora na região Norte. Nos preocupa aquela região de Itapipoca, até Camocim, Sobral e Santa Quitéria. Então nós estamos preparando hoje pra colocar no decreto algumas restrições nessa região", afirmou.

Conforme a plataforma IntegraSUS, atualizada às 9h36 desta sexta, Sobral e Itapipoca estão entre os cinco municípios cearenses tanto em número de infectados, quanto em número de óbitos. No primeiro são 1.191 acometidos pela doença e 57 mortes, enquanto no segundo são 709 e 54, respectivamente. Além disso, Itapipoca tem a terceira maior taxa de mortalidade, com 31,2 a cada 100 mil habitantes, conforme o último boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde, divulgado no último dia 27.


Dr. Cabeto, entretanto, afirma que o estado já vinha antecipando a melhoria na rede pública de saúde nas cinco regiões de saúde do estado. "O Ceará já vinha pioneiramente montando essa estruturação dessa regionalização. Montamos 11 UTIs até o dia de hoje em hospitais polos, fortalecemos os hospitais regionais pra receber os casos mais complexos e estão sendo expandidos semanalmente de acordo com a necessidade. Isso já se fez em todas as cinco regiões. Por isso, cada região vai ser tratada individualmente, porque se não tiver garantia de leitos, você não pode entrar na fase de transição", pontua.

Situação do Ceará

A última atualização da plataforma IntegraSUS aponta que o Ceará contabiliza 2.743 mortes provocadas pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) nesta sexta-feira (29). Os infectados pela Covid-19 são 37.954. A quantidade de casos investigados do novo coronavírus (SARS-CoV-2) é de 46.707 e em todo o estado houve a recuperação de 25.766 pessoas.

Os números apresentados pela Secretaria da Saúde são atualizados permanentemente e fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detectar a presença dos vírus, ou seja, não necessariamente correspondem à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente.

G1 da Globo Ceará

Nenhum comentário: