sexta-feira, 20 de março de 2020

Chaval - Secretaria da Saúde repudia ex-secretário da educação que depreciou ação de prevenção ao coronavírus.


Ex-gestor ironizou serviço de TeleSaúde sugerindo morte 


O ex-secretário da educação do Governo Pacheco, que figura a lista dos ficha-sujas do TCE  por improbidade administrativa, Samuel Brito, postou em redes sociais mensagem depreciativa contra as ações preventivas adotadas pelo Governo Municipal, que adotou uma medida padrão de comunicação e informação visando tirar dúvidas da população sobre a pandemia de Coronavírus. 

"Disque 1 para saber onde vai morrer. Disque 2 para saber onde vai ser o enterro", postou Samuel que também já foi vereador do Município chegando a exercer o cargo de presidente da Câmara (clique imagem ao lado)

O Governo Municipal, através da Secretaria Municipal da Saúde  publicou em suas redes oficiais uma nota de repúdio contra as declarações do ex-gestor de pasta municipal do governo Pacheco. 

NOTA DE REPÚDIO

A Secretaria Municipal de Saúde de Chaval, vem a público repudiar veemente as declarações publicadas em uma rede social do ex-vereador e ex-secretário de educação, Samuel de Brito Araújo, 42 anos. Publicações desse tipo, não contribuem com nada nesse momento de crise na saúde pública, devemos deixar de lado toda a "politicagem" e toda a "molecagem", que possa correr em nossas veias e buscar manter o equilíbrio mental.

A Secretaria está atenta, disponibilizamos um canal de informações com nosso melhor quadro de profissionais para tirar dúvidas sobre o Coronavírus, estamos divulgando incansavelmente materiais informativos, nossos profissionais estão 24 horas por dia em prontidão para qualquer intercorrência.

Os profissionais de Saúde, pedem e merecem respeito, estamos preocupados com o que poderá acontecer e não temos tempo para fazer politicagem neste momento que exige acima de tudo, responsabilidade, sobriedade e bom senso, coisas que deixam a desejar no ex-vereador.

Secretaria Municipal de Saúde de Chaval
Prefeitura Municipal de Chaval


Carlos Jardel

Nenhum comentário: