sábado, 1 de fevereiro de 2020

Perseguição Aguiar pretende cassar o mandato do vereador Ismael e o seu registro de médico

O casal Aguiar, comandante do grupo politico  de situação em Camocim, determinou, em fevereiro de 2019, uma denúncia, considerada politiqueira  contra o  médico e vereador Dr.Ismael Pinheiro,  acusando-o de crime eleitoral  e acúmulo ilegal de cargos no exercício de sua profissão.

Os ataques de cunho politico ao vereador ocorreram logo após o mesmo ter rachado com a base da prefeita Monica disparando criticas e protocolando denuncias junto aos  órgãos da justiça, denunciando os desmandos do governo municipal.

A denuncia da situação, feita ao Ministério Público Estadual e Federal,  diz que Ismael, para se beneficiar politicamente, teria facilitado aos seus eleitores pericias médicas, cirurgias,  consultas e distribuição de receitas médicas. 

Ismael ainda foi acusado pelo grupo de Sérgio e Monica por exercício ilegal da medicina e acúmulo ilegal de cargos. 

As denúncias contra o vereador foram protocoladas também no Tribunal de Contas do Estado do Ceará - TCE, Procuradoria Geral de Justiça - PGJ e  Procuradoria da República no Ceará, 

Sérgio Aguiar deixou claro que deseja  cassar o mandado de vereador  de Ismael e destruir sua vida pública, inclusive cassando o  registro profissional do médico para  impedi-lo de exercer a profissão 

Vale lembrar que Sérgio expulsou Ismael do Hospital Deputado Murilo Aguiar, e após as referidas denúncias terem sido protocoladas,  autorizou aos seus veículos de comunicação os  disparos de pesadas criticas e uma narrativa de desmoralização do médico. 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: