segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Não é só o bafômetro!

Desde 2012, a lei é diferente para punir quem anda bebendo e dirigindo. Antigamente, apenas o teste do bafômetro ou de sangue podiam provar a existência de álcool no sangue do motorista. Hoje em dia é diferente: o agente de trânsito observa sinais de embriaguez e pode apontar se o condutor estiver embriagado ou não. Bebida e direção não combinam!

Informações do Escritório de Advocacia Dr. Zenilson Coelho

Nenhum comentário: