segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Dilma: golpe na Bolívia é uma violência contra o povo!

A presidenta Dilma Rousseff foi ao Twitter na manhã desta segunda-feira 11/XI para prestar solidariedade a Evo Morales, vítima de um golpe de Estado na Bolívia (leia os detalhes abaixo):


Leia a reportagem do Conversa Afiada sobre o golpe:

Um golpe de Estado triunfou na Bolívia: o presidente Evo Morales renunciou à Presidência no fim da tarde deste domingo 10/XI, em meio à crescente pressão das Forças Armadas, que pediam que ele deixasse o cargo para "pacificar o país".

"Me dói muito que nos tenham levado ao enfrentamento. Enviei minha renúncia para a Assembleia Legislativa Plurinacional. Estamos renunciando para que nossos humildes irmãos parem de ser agredidos. Não queremos confrontos", disse Evo Morales, afirmou Evo.

O vice-presidente, Álvaro García Linera, também renunciou. Mais cedo, ao menos três ministros também entregaram seus cargos.

A vitória do golpe de Estado se deu à base de violência contra militantes e líderes do Movimento ao Socialismo (MAS), intimidação de jornalistas, queima de residências e traição de aliados políticos do presidente.

Pouco depois da divulgação da notícia, o presidente Lula repudiou pelo Twitter o golpe de Estado contra Evo Morales:


Conversa Afiada

Nenhum comentário: