terça-feira, 29 de outubro de 2019

Camocim - Em áudio: conselheira eleita suspeita de candidatos e deixa claro que entregou santinhos durante votação

Edilene pediu para colar no Aderaldo Lima e na Jeane Brito, que estariam querendo enxamear na sessão da Boa Esperança, com supostas irregularidades.




O Revista Camocim recebeu de fonte anonima um áudio gravado no dia da eleição, 06 de outubro, da candidata eleita Edilene Mota, em que a mesma  pede para um de seus fiscais "ficar de  olho"  no candidato Aderaldo Lima e na candidata Geane, que estariam sendo suspeita de cometer irregularidades no dia da votação.

" De olho aí no Aderaldo, viu Pequeno. O Dim conhece os esquemas. Disse que a Jeane também botou bem uns dez aí nas ruas. Aí o pov passa e ela aborda. Não é pra dar mole, bota pra lascar ai dentro da Boa Esperança", disse Edilene. 

No áudio, a candidata eleita diz ainda que estava indo entregar o dinheiro do lanche para um suposto apoiado chamado Pedinho e os "santinhos" para uma pessoa que ela identificou  como Sidney.

A entrega de santinhos no dia da eleição era conduta vedada pela , ou seja: proibido, se configurando como boca de urna.

Edilene foi eleita com  881 votos. A mais bem votada. O candidato Aderaldo Lima foi o terceiro mais bem votado com  550 votos. Já a candidata Jeane Brito obteve 473 votos e ficou na primeira suplência.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: